WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Império Store

Drogaria Santana

:: ‘Destaque1’

Santaluz e 15 cidades da região sisaleira têm alerta e risco de surto de dengue, chikungunya e zika

Share Button
anvisa-aprova-vacina-contra-a-dengue_14052015005-850x607

Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas

Dezesseis cidades da região sisaleira da Bahia estão em situação de alerta ou risco de surto de dengue, chikungunya e zika, segundo o Levantamento Rápido de Índices para Aedes aegypti (LIRAa), divulgado pelo Ministério da Saúde. A pesquisa considerou cidades com mais de dois mil imóveis, e foi realizada, a partir da adesão voluntária de municípios, nos meses de outubro e novembro. 

Santaluz está entre 10 cidades que estão em situação de risco por causa de surtos de doenças transmitidas pelo Aedes aegypti, seguida por Queimadas, Serrinha, Ichu, Itiúba, Lamarão, Candeal, São Domingos, Valente e Retirolândia. Outros seis municípios do território do sisal aparecem em alerta, são eles: Tucano, Monte Santo, Quijingue, Teofilândia, Araci e Conceição do Coité. Já Biritinga, Nordestina e Barrocas apresentam níveis satisfatórios das doenças. O Ministério da Saúde não recebeu informação sobre Cansanção.

De acordo com o Ministério da Saúde, dos 3.704 municípios brasileiros que estavam aptos a participar, 62,6% (2.284) participaram da edição deste ano – um aumento de 27,3% em relação ao número de municípios participantes em 2015. Os dados foram apresentados pelo ministro da Saúde, Ricardo Barros, que também divulgou a nova campanha deste ano para combate ao mosquito transmissor, que chama atenção para as consequências das doenças, além da importância de eliminar os focos do Aedes aegypti.

Redação Notícias de Santaluz

Ruas do Centro de Santaluz terão corte temporário de energia para manutenção neste domingo; veja a lista

Share Button
santaluz_foto-joao-garcia

Serviço será suspenso neste domingo, das 9h30 às 15h30 | Foto: João Garcia/ Reprodução

A Companhia de Eletricidade da Bahia (Coelba) vai interromper, temporariamente, neste domingo (27), das 9h30 às 15h30, o fornecimento de energia nas ruas 07 de Setembro, 1º de Setembro, 31 de Março, Gastão Pedreira, Lomanto Júnior, Marechal Castelo Branco, Ruy Barbosa e na Praça Major Benício Viana, além das travessas 31 de Março, Lomanto Júnior e Marechal Castelo Branco, em Santaluz. O serviço será suspenso para realização de manutenção e melhorias na rede elétrica. Segundo a Coelba, sem prévio aviso, esta programação poderá sofrer atrasos ou ser cancelada por impedimentos técnicos. Ainda de acordo com a companhia, caso os trabalhos sejam concluídos antes do horário previsto, a rede será energizada sem qualquer outra comunicação. A empresa alerta que, mesmo com o fornecimento de energia suspenso, moradores que queiram realizar serviços nas instalações elétricas em casa devem desligar a chave de segurança.

Redação Notícias de Santaluz

Dirigentes de cooperativas de crédito da Bahia participam de Seminário Nacional da Cresol Confederação em Chapecó (SC)

Share Button
whatsapp-image-2016-11-24-at-20-43-05

Foto: Divulgação

Uma delegação formada por representantes do sistema Ascoob que atuam nos estados da Bahia, Sergipe e Alagoas participou do 4º Seminário Nacional do Cooperativismo de Crédito Familiar e Solidário, realizado pela Cresol Confederação, nos dias 23 e 24 de novembro, em Chapecó (SC). Cerca de 200 participantes, entre dirigentes e colaboradores das quatro centrais de crédito integradas a Confederação (Cresol Baser, Cresol Central, Cresol Central Sicoper e Ascoob), acompanharam as palestras e debateram a construção coletiva de novas estratégias para fortalecer o cooperativismo financeiro no país. O encontro também apresentou uma análise da conjuntura atual e as perspectivas para o futuro da política econômica nacional.

O presidente da Ascoob Itapicuru Sílvio Soares destaca que “o evento foi muito importante para traçar estratégias de governança, inovação e sustentabilidade das cooperativas de crédito, além de discutir novas perspectivas que promovam o fortalecimento do cooperativismo solidário e da agricultura familiar, sobretudo na região onde atuamos”.

whatsapp-image-2016-11-24-at-20-43-03

Presidente da Ascoob Itapicuru, Sílvio Soares | Foto: Divulgação

Para o presidente da Ascoob Central Cosme Arisvaldo Leal do Nascimento, que também esteve presente nos debates, as discussões ocorridas durante o seminário visam fortalecer e garantir uma nova dinâmica de sustentabilidade econômica e financeira dos agricultores familiares e cooperados do Sistema Ascoob. “Discutimos os principais eixos para o fortalecimento do cooperativismo no Brasil: inovação, governança e sustentabilidade. Esses são os norteadores do sistema nos próximos dez anos. Com isso, vamos direcionar, a partir de agora, nosso planejamento estratégico e operacional fundamentados nesses três pontos, com o intuito de tornar cada vez mais forte o sistema de cooperativas de crédito em nossa região e nas demais áreas do estado”, destacou Arisvaldo.

Redação Notícias de Santaluz

PSOL fará pedido de impeachment contra Temer por crime de responsabilidade

Share Button
ac_psol_pronunciamento_201606290471-850x566

Foto: Antônio Cruz/Agência Brasil

O PSOL (Partido Socialismo e Liberdade) anunciou nesta sexta-feira (25) que vai protocolar na próxima segunda (28), na Câmara dos Deputados, um pedido de impeachment contra o presidente Michel Temer (PMDB). De acordo com o Uol, a legenda argumenta que Temer cometeu crime de responsabilidade ao pressionar o ex-ministro da Cultura, Marcelo Calero, em favor de interesses pessoais de Geddel Vieira Lima, ex-ministro da Secretaria de Governo que pediu demissão nesta sexta-feira. “Agora sim estamos diante de um crime de responsabilidade”, afirmou em nota o líder do PSOL na Câmara, Ivan Valente. Após ser protocolado na Câmara, cabe ao presidente da Casa Rodrigo Maia (DEM-RJ), aliado do governo Temer, decidir se dá início ao processo de impeachment ou se o arquiva. 

Bradesco pode fechar agências nos próximos meses, anuncia presidente do banco

Share Button
bradesco

Foto: Divulgação

Depois de anúncios do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, o Bradesco também poderá realizar medidas de economia, como fechamento de agências e transferência para postos de atendimento menores nos próximos meses. A informação foi passada pelo presidente do banco, Luiz Carlos Trabuco, durante reunião com investidores em São Paulo. Segundo informações do jornal Folha de S. Paulo, o banco estava descartando a possibilidade de fechar agências após a sobreposição de unidades com o HSBC. Apesar de ter negociado a aquisição do braço brasileiro do banco inglês em agosto de 2015, o Bradesco só foi autorizado pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) a efetivar a aquisição e começar a fusão apenas em julho deste ano. “Existe uma certa sobreposição [de agências], mas o que vai decidir [o que será feito com as agências] serão os balancetes”, afirmou Trabuco. A decisão vai depender do resultado de vendas de cada agência. O Bradesco atualmente tem 5.242 agências, considerando a rede de atendimento. 

Candidato perderá direito à isenção se fizer Enem mais de 3 vezes

Share Button
enem

Foto: Divulgação

O candidato que prestar o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) mais de três vezes com isenção de taxa perderá o direito à gratuidade a partir da quarta tentativa. A medida faz parte de um pacote de medidas elaborado pelo Ministério da Educação (MEC) para diminuir os custos da aplicação da prova, que neste ano superou os R$ 650 milhões. O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão do MEC responsável pelo Enem, apura os motivos que levam candidatos a realizar o exame repetidas vezes – há relatos de pessoas que participam das provas por até 8 edições consecutivas. “Ainda estamos pesquisando quem são elas e qual a motivação para essa recorrência”, informou à reportagem a secretária-executiva da pasta, Maria Helena Guimarães de Castro. “De qualquer forma, não faz sentido que façam sete vezes sem pagar. Vamos dar a oportunidade de isenção por até três edições”, completou. Em reunião nesta quinta-feira, 24, entre o Inep e o Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed), outras providências para tornar o Enem “mais sustentável” foram anunciadas. Por exemplo: a prova servirá apenas para acesso ao ensino superior, e não mais para que o candidato obtenha o certificado de conclusão do ensino médio. A decisão tem como base um índice muito baixo de sucesso: dos 990 mil inscritos para este fim, apenas 72 mil conseguiram o diploma – pouco mais de 7%.

Geddel pede demissão da Secretaria de Governo após denúncia de ex-ministro da Cultura

Share Button
62858404_brasil_-_brasilia_-bsb_-_22-11-2016_-_o_ministro_geddel_vieira_lima_da_secretaria_da_presid

Geddel Vieira entregou carta de demissão a Temer na manhã desta sexta | Foto: André Coelho/ O Globo

Acusado de ter pressionado o ex-titular da Cultura para liberar uma obra em Salvador, o ministro da Secretaria de Governo, Geddel Vieira Lima, entregou na manhã desta sexta-feira (25) uma carte de demissão ao presidente Michel Temer. A turbulência política provocada pela denúncia chegou ao gabinete presidencial nesta quinta (24) quando veio à tona o teor do depoimento prestado nesta semana pelo ex-ministro da Cultura Marcelo Calero à Polícia Federal (PF). Calero disse aos policiais que, durante uma audiência no Palácio do Planalto, Temer interveio em favor dos interesses do ministro da Secretaria de Governo. O ex-ministro da Cultura, que pediu demissão na última sexta (18), gravou a conversa que teve na semana passada com Temer no Planalto, informou o Bom Dia Brasil. Segundo o colunista do G1 Matheus Leitão, a Procuradoria Geral da República (PGR) deve pedir a abertura de investigação para apurar se o agora ex-ministro Geddel Vieira Lima fez tráfico de influência ao pressionar o ex-colega da Esplanada dos Ministérios. Para a PF, Geddel deve ser investigado, mas a palavra final sobre uma eventual abertura de inquérito cabe à PGR.

Ônibus que transportava romeiros de Serrinha para Bom Jesus da Lapa fica destruído após pegar fogo

Share Button
onibus-oegou-fogo-na-br-242-768x453

Foto: Reprodução/ WhatsApp

Dezenas de romeiros que saíram da cidade de Serrinha, no território do sisal em um ônibus com destino a Bom Jesus da Lapa viveram momentos de pânico quando por volta das 4h da madrugada desta quinta-feira (24), o veículo começou a pegar fogo quando passava pela BR-242, trecho da região de Itaberaba. O veículo trafegava normalmente quando surgiram as primeiras chamas. Os passageiros conseguiram descer rapidamente e ninguém se feriu. O ônibus, no entanto, ficou destruído. De acordo com informações do Jornal A Nossa Voz, o fogo teria surgido devido a um problema no ar condicionado do veículo, mas só a perícia técnica poderá apontar a causa do incidente.

situacao-final

Foto: Reprodução/ WhatsApp

Projeto Araci Norte é interrompido pelo TCU por superfaturamento em obra

Share Button
1471463460projeto_araci_norte_2

Foto: Divulgação/ Serin

O Projeto Araci Norte que tem obra orçada em mais de R$ 51 milhões e beneficiará mais de 38 mil pessoas dos municípios de Araci e Tucano foi interrompido com cerca 65% do projeto em andamento. De acordo com informações do site A Voz do Campo, o TCU (Tribunal de Contas da União), órgão fiscalizador no país, notificou a CERB (Companhia de Engenharia Hídrica e de Saneamento da Bahia) de superfaturamento na obra em seis itens. Na última segunda-feira (21), uma comitiva de Araci participou de uma reunião com o presidente do órgão, Marcus Bulhões, e o diretor de Saneamento, Antonio Matos, requerendo explicações da interrupção da obra.

Ao site A Voz do Campo, o vereador Jefson Carneiro (PSC), que também esteve na visita, disse que a CERB recebeu a notificação do TCU referente às irregularidades e enviou um documento com mais de 700 páginas explicando todos os detalhes da obra. “Fomos até o órgão porque a população estava cobrando uma resposta da paralisação e, como representantes, devemos dar essa resposta,” contou o vereador. Ainda segundo o vereador, o Tribunal deverá enviar uma resposta até o fim do mês referente a notificação. 

Por crise econômica, deputado do RJ sugere que pessoas comam uma vez a cada dois dias

Share Button
pfernandes

Foto: Reprodução/ Extra

O deputado estadual do Rio de Janeiro Pedro Fernandes (PMDB) sugeriu que as pessoas comam uma vez a cada dois dias para evitar o fechamento de restaurantes populares no estado. Um áudio divulgado pelo jornal Extra aponta que ele propôs o aumento de R$ 2 para R$ 5 no preço da refeição. “Não se pode cruzar os braços e deixar as pessoas com fome. Se não dá para chegar ao ideal de manter os R$ 2, coloca um valor que pelo menos… nem que comam de dois em dois dias…”, disse o parlamentar durante uma audiência pública realizada nesta segunda-feira (21). “Não sei se é absurdo o que estou dizendo, mas temos que pensar. Se alguém tiver uma sugestão melhor, peço que fale. Mas confesso que não vejo nada melhor do que isso (aumento no preço), nesse momento”, completou. Em entrevista ao Extra, Pedro afirmou que a declaração foi infeliz, mas que ele tem a intenção de evitar a extinção dos restaurantes populares.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia