WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio



Laboratório Checap drogaria_santana

:: ‘Destaque3’

Após estudar em cursinho gratuito, lavador de carros de SP tira nota 920 na redação do Enem

Share Button

Por SP1

Foto: Reprodução/SP1

Foto: Reprodução/SP1

Davi Araújo, de 19 anos, entrou para o seleto grupo de estudantes que tiraram nota acima de 900 na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). Filho de uma diarista, ele trabalha como lavador de carros em um lava-rápido na Zona Sul de São Paulo e, no ano passado, usou o salário para pagar a condução até o Centro da capital paulista para as aulas do Cursinho Comunitário Modelo. Até então, a única vez que ele tinha feito o Enem havia sido em 2016, quando ele estava no segundo ano do ensino médio. Na época, sua nota na redação foi 420. Três anos depois, Araújo viu sua nota subir para 920 na segunda tentativa, resultado que ele credita à combinação entre seu esforço e a ajuda dos professores voluntários. No Enem 2018, só 2% dos candidatos conseguiram nota acima de 900 na redação. Na edição 2017, esse número foi de 1% do universo total. Para a edição deste ano, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) não divulgou os dados detalhados. O Enem 2019 contou com quase 4 milhões de participantes. Também aprovado para a segunda fase da Fuvest, o lavador de carros aguarda o resultado do vestibular da USP e o do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para conseguir uma vaga na graduação em engenharia da computação.

Petrobras reduz preço da gasolina e do diesel para distribuidoras

Share Button
Foto: Rafael Neddermeyer

Foto: Rafael Neddermeyer

A Petrobras confirmou na quinta-feira (23) que vai reduzir em 1,5% o preço da gasolina e em 4,1% o preço do litro do diesel para as distribuidoras a partir desta sexta-feira (24). O último reajuste promovido pela empresa havia sido uma redução de 3% nos valores dos dois combustíveis no dia 14 de janeiro. De acordo com a Agência Brasil, os preços para a gasolina e o diesel vendidos às distribuidoras têm como base o preço de paridade de importação, formado pelas cotações internacionais desses produtos mais os custos que os dos importadores, como transporte e taxas portuárias, por exemplo. O preço de venda às distribuidoras não é o único determinante do preço final ao consumidor. Como a lei brasileira garante liberdade de preços no mercado de combustíveis e derivados, as revisões feitas pela Petrobras podem ou não se refletir no preço final, que incorpora tributos e repasses dos demais agentes do setor de comercialização: distribuidores, revendedores e produtores de biocombustíveis, entre outros.

Carro-forte capota e deixa ferido em rodovia da Bahia

Share Button

Por G1 BA

Foto: Aline Souza/Voz da Bahia

Foto: Aline Souza/Voz da Bahia

Um carro-forte capotou e deixou uma pessoa ferida na BR-101, na cidade de Cruz das Almas, no recôncavo baiano. Segundo informações divulgadas pela Polícia Rodoviária Federal (PRF), o acidente ocorreu por volta das 10h30 de quarta-feira (22), no Km 222 da rodovia. Além do motorista, outras três pessoas estavam no carro-forte. Uma delas, que não foi identificada, ficou ferida e foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). A vítima foi levada para uma unidade médica, mas não há informações sobre o seu estado de saúde.

STF gasta R$ 3,4 milhões por ano em segurança de ministros fora de Brasília

Share Button
Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

Foto: Rosinei Coutinho/SCO/STF

Além de contarem com o serviço de segurança e escolta do Supremo Tribunal Federal (STF) em Brasília, os ministros da Corte usufruem do mesmo benefício em suas residências nos estados de origem. De acordo com Época, há funcionários de segurança de plantão 24 horas por dia à disposição dos ministros em Curitiba, onde Edson Fachin tem imóvel; no Rio de Janeiro, frequentado por Luiz Fux, Luís Roberto Barroso e Marco Aurélio Mello; e em São Paulo, por conta de Alexandre de Moraes e Ricardo Lewandowski. O esquema funciona mesmo quando os ministros estão em suas residências em Brasília. A soma dos gastos é de 3,38 milhões. Em Brasília, o aparato de segurança para proteger os ministros foi incrementado a partir de abril do ano passado, quando foi aberto um inquérito para investigar ataques e críticas aos integrantes do tribunal. O relator do inquérito, Alexandre de Moraes, passou a ser visto com uma comitiva de seguranças, mesmo quando circula dentro das imediações do Supremo. Marco Aurélio, em compensação, costuma dispensar o serviço, dentro ou fora do tribunal.

Bolsonaro lidera intenções de voto para 2022; Lula ocupa segunda posição

Share Button

Por Bahia Notícias

Foto: Alan Santos/PR

Foto: Alan Santos/PR

A pesquisa da Confederação Nacional do Transporte (CNT), encomendada ao instituto MDA, concluiu que o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), lidera as intenções de voto para a disputa presidencial de 2022, com 29,1%. Em segundo lugar aparece o ex-presidente Lula (PT), com 17%, seguido por Ciro Gomes (3,5%) e Sergio Moro (2,4%). Divulgada nesta quarta-feira (22), a pesquisa questionou de forma espontânea os entrevistados, sem mostrar nomes de prováveis candiatos: “Ainda faltam três anos para as eleições presidenciais de 2022. Mas, caso as eleições fossem hoje, em quem o sr. votaria?”. O instituto ouviu 2.002 pessoas entre os dias 15 e 18 de janeiro. O estudo foi aplicado em 137 municípios do país e conta com margem de erro de 2,2 pontos percentuais, segundo o instituto. Veja a intenção de voto dos brasileiros para as eleições de 2022, segundo a pesquisa CNT/MDA: Jair Bolsonaro – 29,1%; Lula – 17%; Ciro Gomes – 3,5%; Sergio Moro – 2,4%; Fernando Haddad – 2,3%; João Amoedo – 1,1%; Luciano Huck – 0,5%; Marina Silva – 0,4%; Dilma Rousseff – 0,3%; João Doria – 0,3%; Outros – 2,4%; Branco/Nulo – 10,5%; Não sabe/não respondeu – 30,2%.

João de Deus é condenado a 40 anos de prisão por estupro

Share Button
Foto: Marcelo Camargo/Ag. Brasil

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O médium João Teixeira de Faria, popularmente conhecido como João de Deus, foi condenado a 40 anos de reclusão em regime fechado por ter estuprado cinco mulheres durante atendimentos espirituais na Casa Dom Inácio de Loyola, em Abadiânia (GO), segundo informações divulgadas pelo Tribunal de Justiça de Goiás na segunda-feira (20). De acordo com a Agência Brasil, a sentença foi proferida pela juíza Rosângela Rodrigues dos Santos, em processo que corre em segredo de justiça. Segundo o tribunal, essa é a terceira condenação do acusado, cujas penas já somam 63 anos e quatro meses de prisão. O médium está preso desde o dia 16 de dezembro de 2018 e ainda responde por outras nove acusações de crimes sexuais. Em julho de 2019, João de Deus prestou depoimento pela primeira vez à Justiça sobre denúncias de abuso sexual e segundo o advogado Alberto Torone, que atuava como representante do médium, ele negou as acusações e disse que nunca praticou abusos contra mulheres que frequentaram a casa. A primeira condenação de João de Deus por estupro ocorreu logo após a prisão completar um ano, no dia 19 de dezembro. Na ocasião, o médium foi condenado a 19 anos e quatro meses de reclusão por quatro estupros. Ele já havia sido sentenciado a quatro anos por posse ilegal de arma de fogo e ainda deve ser julgado por corrupção e por falsidade ideológica.

Operação da PF investiga casal de ex-juízes, advogada e corretor de imóveis suspeitos de comercializar terras públicas na Bahia

Share Button
Foto: Divulgação/PF

Foto: Divulgação/PF

A Polícia Federal (PF) deflagrou na manhã desta terça-feira (21) a Operação Arcaico, que visa combater crimes relacionados a fraudes em títulos de propriedade de terrenos da União em Vitória da Conquista. Cerca de vinte Policiais Federais cumprem quatro mandados de busca e apreensão e cinco mandados de intimação nos municípios baianos de Salvador e Vitória da Conquista.

De acordo com a PF, a operação decorre de uma investigação iniciada em janeiro de 2019, quando o órgão tomou conhecimento de que um casal de ex-juízes de direito do Estado da Bahia, uma advogada e um corretor de imóveis estariam comercializando, como se fossem donos, terrenos que tinham sido destinados pela Secretaria de Patrimônio da União (SPU) para a construção das novas sedes da Delegacia de Polícia Federal em Vitória da Conquista, do Ministério Público do Trabalho e do Ministério do Trabalho e Emprego.

Segundo a PF, a fraude teve início em 2016, com a confecção de uma certidão falsa do 3º Tabelionato de Notas de Vitória da Conquista, que atestava a existência de uma suposta escritura pública de compra e venda da área em questão, datada de 1994, cujo livro havia sido extraviado. A partir dessa certidão, teria sido feito um registro imobiliário no 1º Ofício de Imóveis de Vitória da Conquista, em um livro que, coincidentemente, conforme a PF, estaria totalmente danificado e ilegível, impossibilitando a sua verificação.

Os investigados conseguiram, então, em curto espaço de tempo, cancelar administrativamente a matrícula da propriedade da União, e a partir daí o casal, a advogada e o corretor passaram a ameaçar algumas pessoas que ocupavam irregularmente a área, exigindo pagamentos em troca da manutenção de suas residências e negócios, de acordo com a Polícia Federal.

Nesta fase do inquérito, os investigados foram indiciados pelos crimes de associação criminosa, estelionato, extravio de livro ou documento, prevaricação, falsidade ideológica, falsificação de documento público, extorsão e alienação ou oneração fraudulenta de coisa própria.

Notícias de Santaluz

Homem é condenado a indenizar vizinhos em R$ 8 mil por festas e ‘barulho excessivo’

Share Button

Por G1 DF

Imagem de festa | Foto: Pixabay/Ilustração

Imagem de festa | Foto: Pixabay/Ilustração

O juiz Felipe Vidigal de Andrade Serra, do 1º Juizado Especial Cível de Águas Claras, no Distrito Federal, condenou um homem a pagar R$ 8 mil em indenização a dois ex-vizinhos, por conta de “barulho excessivo”. Segundo a ação judicial, o morador promovia festas com música alta e incomodava os autores do processo durante noites inteiras. Além da indenização por danos morais, o juiz ainda determinou que o homem se abstenha “de promover qualquer evento que viole as regras de sossego ou que viole as disposições estatutárias e/ou as normas do Distrito Federal”. A multa em caso de descumprimento é de R$ 20 mil. Cabe recurso da decisão. À Justiça, os autores do processo alegaram que o vizinho fazia “festas de grandes proporções em sua residência, com som extremamente alto, com músicas de baixo calão e barulhos de motos arrancando”. De acordo com os vizinhos, “as festas duravam toda a madrugada e por dias seguidos”. Eles afirmaram ainda que o morador jogava “caixas com peças de carne de frango em direção aos lotes dos autores, como forma de ameaça”. No processo, os moradores incluíram vídeos, fotos e até ocorrências policiais que comprovam a existência de festas e os conflitos entre os vizinhos. O homem, por sua vez, disse que viveu no imóvel apenas um período e que não recebeu as normas internas do condomínio. Afirmou ainda que não foi notificado de qualquer reclamação por conta do barulho.

Dupla rende funcionário de correspondente bancário e rouba malote de dinheiro em Euclides da Cunha

Share Button
Foto: Ilustração

Foto: Ilustração

Dois homens armados roubaram um malote de um correspondente bancário depois de renderem um funcionário do estabelecimento no centro de Euclides da Cunha, nordeste da Bahia, na tarde desta segunda-feira (20). De acordo com a Polícia Militar, a vítima estava indo ao banco realizar depósito quando foi abordada pelos criminosos, que estavam em frente ao correspondente, a bordo de uma motocicleta com a placa coberta e roubaram o malote. A quantia levada pelos bandidos não foi revelada. Segundo informações preliminares da PM, suspeitos foram vistos desde cedo por populares, próximo ao estabelecimento, possivelmente aguardando a saída do funcionário com o dinheiro. Um deles chegou a efetuar um disparo de arma de fogo para intimidar a vítima, de acordo com a polícia. Os militares foram acionados e fizeram buscas pela região, mas ninguém foi preso até a publicação desta matéria. A vítima foi orientada a registrar queixa na delegacia local.

Notícias de Santaluz

Pássaros silvestres que seriam comercializados são apreendidos em Feira de Santana

Share Button
Foto: Polícia Militar

Foto: Polícia Militar

Cerca de 64 pássaros silvestres que seriam comercializados em Feira de Santana foram apreendidos após a Polícia Militar receber denúncias sobre o crime, no domingo (19). Segundo ao G1, a polícia informou que o caso ocorreu na Feirinha da Estação Nova, que fica no bairro Ponto Central. Com a chegada dos agentes policiais, as pessoas que estavam no local conseguiram fugir. Os policiais conseguiram recuperar 14 gaiolas, um sabiá, um cancão, dois periquitos cuiubinha, quatro papa-capim, cinco azulões, dois papa-arroz, três canários da terra, 10 coleiros e 26 cardeais. Todos os animais e materiais foram encaminhados para o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema).







WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia