WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio






Laboratório Checap

drogaria_santana

:: ‘Destaque3’

Homem de 59 anos é preso acusado de estuprar sobrinha de 9 anos na Bahia

Share Button
Foto: Divulgação/Polícia Civil

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Um homem identificado como Almir Manoel Lago, de 59 anos, foi preso na cidade de Mirangaba, no norte da Bahia, acusado de estuprar a sobrinha de 9 anos, no distrito de Taquarendi. Segundo a Polícia Civil, os agentes cumpriram o mandado de prisão preventiva na última sexta-feira (28), mas a informação só foi divulgada nesta quarta-feira (3). Conforme a delegada Manuela Rodrigues, titular da delegacia da cidade, os pais passaram a desconfiar do comportamento do homem e fizeram a denúncia depois de flagrá-lo observando a criança tomando banho, na residência da família. Ainda de acordo com a delegada, os pais disseram que conversaram com a criança e descobriram, pelo relato dela, que o tio a acariciava, quando eles iam trabalhar na roça, e a ameaçava caso contasse a alguém. Almir foi autuado por estupro de vulnerável e, por questão de segurança, foi encaminhado diretamente para o Complexo Policial de Jacobina.

Notícias de Santaluz

Rodrigo Maia chora e diz que poderia ter agido para derrubar Temer, mas tem ‘caráter’

Share Button
Foto: Beto Barata / PR

Foto: Beto Barata / PR

Um dos artífices da vitória de Michel Temer desta quarta (2), o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), chorou diante de seus colegas de bancada ao fazer um balanço dos últimos meses, quando vislumbrou a possibilidade de se tornar o mandatário da República, mas escolheu recuar. Aos aliados, confessou ter se sentido pressionado, mas disse não se arrepender de nada. Deixou claro que, se quisesse, poderia ter derrubado o peemedebista. Não o fez, afirmou, por ter “caráter”. De acordo com informações do blog Painel, da Folha de S. Paulo, Maia fez o desabafo em jantar com deputados do DEM, na noite de terça (1º), véspera da votação da denúncia. Pessoas próximas ao presidente da Câmara avaliam que ele “sai maior do que entrou na crise” e admitem que ele mira voos mais altos em 2018.

Congresso do Chile descriminaliza aborto decorrente de estupro; tribunal precisa aprovar

Share Button
Foto: Centro Regional de Derechos Humanos y Justicia de Genero / Chile

Foto: Centro Regional de Derechos Humanos y Justicia de Genero / Chile

Uma lei que descriminaliza o aborto em três circunstâncias foi aprovada pelo congresso do Chile nesta quarta-feira (2). Aprovado com 22 votos a 13, o projeto de lei legaliza o aborto nos casos de inviabilidade do feto, perigo de vida para a mãe e gravidez decorrente de estupro. Segundo informações da Agência Brasil, horas mais cedo, a Câmara dos Deputados também aprovou um artigo que estabelece que as meninas possam abortar sem o consentimento dos pais. Agora, a iniciativa precisa ser aprovada pelo Tribunal Constitucional, pois a oposição recorreu à corte. De acordo com a publicação, os opositores apontam que o projeto é inconstitucional, pois viola a Carta Magna, que “protege a vida do nascituro”.

Policial em serviço dispara acidentalmente contra própria perna

Share Button
Foto: Ilustração

Foto: Ilustração

Um policial militar em serviço disparou acidentalmente contra a própria perna, na noite de terça-feira (1º), em Salvador. De acordo com o G1, as informações foram divulgadas pela assessoria da Polícia Militar. De acordo com a PM, o policial é lotado no Batalhão de Polícia de Choque. Ele foi socorrido para o Hospital Geral do Estado (HGE), onde passou por procedimento cirúrgico e passa bem. A polícia não informou em qual bairro ocorreu o incidente. Segundo a PM, uma equipe do Departamento de Promoção Social (DPS) da corporação acompanha o militar.

Temer diz que ‘seguramente’ espera uma vitória nesta quarta e quem ‘ganha é o Brasil’

Share Button
Foto: Alan Santos/PR

Foto: Alan Santos/PR

O presidente Michel Temer continua tentando agradar aos parlamentares de sua base às vésperas da votação da denúncia na Câmara dos Deputados. Depois de almoçar com mais 60 parlamentares da bancada ruralista, em Brasília, ele atravessou a rua e fez a comitiva impedir o trânsito local por alguns instantes para uma visita rápida de cortesia ao deputado Heráclito Fortes (PSB-PI), que faz aniversário nesta terça-feira (1). Questionado se espera uma vitória nesta quarta-feira (2) o presidente disse: “Seguramente. Quem ganha é o Brasil”, afirmou ao Estadão Conteúdo. Rodrigo Maia (DEM-RJ), presidente da Câmara e aliado de Temer, disse nesta terça-feira que a votação deve ser concluída ainda na tarde de quarta. Temer ficou menos de cinco minutos na residência do deputado, que oferecia almoço ao ministro Fernando Bezerra Coelho e outros deputados. Ao chegar, o presidente cumprimentou Heráclito e disse à reportagem que estava seguro de que derrubará a denúncia contra ele por corrupção passiva na Câmara. “Com o apoio do Heráclito tudo dá certo.” Temer não quis almoçar novamente e deu apenas duas garfadas em um doce de Buriti, típico do Piauí, que Heráclito insistiu para que ele experimentasse à mesa.

Após comarcas fechadas pela Justiça, MP-BA também desativa promotorias no interior

Share Button
Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

O Ministério Público do Estado da Bahia (MP-BA) desativou 33 promotorias localizadas em municípios no interior do estado, após o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) decidir pela desativação das comarcas correspondentes (veja quais são). Segundo o MP, outras 28 unidades chamadas de “agrupadoras” receberão os procedimentos extrajudiciais que eram das promotorias desativadas. Segundo o G1, o prazo para transferência, tanto dos procedimentos, quanto dos servidores e do mobiliário das promotorias desativadas para as agrupadoras, é de 60 dias. Segundo o MP, o prazo começa a ser contado da data de publicação da desativação, feito no dia 27 de julho, no Diário de Justiça. A decisão de desativação foi do órgão especial de procuradores, logo após o anúncio feito pelo Tribunal de Justiça, no dia anterior à publicação. O secretário geral do Ministério Público para promotorias de Justiça do interior, Artur Ferrari, disse que a decisão levou em conta três fatores. Ele elencou inicialmente que não é comum, em todo o país, a existência de promotorias em locais onde não há comarcas instaladas. As promotorias que foram desativadas não contavam com promotores titulares e os membros do MP precisavam se locomover até as unidades para o atendimento.

Homem é morto a tiros na cozinha de casa na Bahia

Share Button

Por G1 BA

Ilustração

Ilustração

Um homem de 31 anos foi morto a tiros na cozinha de casa, na noite de segunda-feira (31), em Vilas do Atlântico, no município de Lauro de Freitas. As informações são do Centro Integrado de Comunicação da Secretaria de Segurança Pública (Cicom). O crime ocorreu na Rua Praia São Vicente, por volta das 22h30. Uma vizinha da vítima ouviu os tiros, encontrou o homem morto e avisou à polícia. A autoria e motivação do crime ainda são desconhecidas e serão investigadas pela Polícia Civil.

Maia e Aécio aceleram trâmite de PEC que acaba com as coligações proporcionais

Share Button
Foto: Lula Marques/ AGPT

Foto: Lula Marques/ AGPT

Diante da expectativa de que a denúncia contra o presidente Michel Temer (PMDB) seja votada nesta semana, o acordo que prevê a aprovação da PEC que recria a cláusula de barreira e acaba com as coligações proporcionais avançou no Congresso. O objetivo do presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), é votar a proposta até 30 de agosto, segundo informações do blog Painel, da Folha de S. Paulo. Em seguida, o Senado chancelaria o texto sem fazer alterações. As negociações para acelerar a tramitação foram definidas em um jantar na residência de Maia, em Brasília, na última sexta (28). Um dos participantes do encontro foi o senador Aécio Neves (PSDB-MG), que assina a autoria da proposta ao lado do senador Ricardo Ferraço (PSDB-ES). De acordo com a publicação, a cláusula de desempenho seria fixada em 1,5% dos votos válidos a partir do pleito de 2018. Assim, o modelo define que os partidos que obtiverem resultados inferiores a esses 1,5% ficarão sem recursos do fundo partidário e tempo de propaganda na TV. Já o fim das coligações só entraria em vigor a partir da disputa de 2020.

Inscrições para segundo semestre do Fies encerram nesta sexta

Share Button
Foto: Reprodução/ Agência Brasil

Foto: Reprodução/ Agência Brasil

O prazo de inscrições para o segundo semestre do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) encerra nesta sexta-feira (28). Serão 75 mil novas vagas disponíveis para estudantes que buscam financiamento em instituições privadas de educação superior. Para se inscrever, é preciso ter prestado o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir de 2010, com média das notas igual ou superior a 450 pontos e nota na redação superior a zero. Segundo informações da Agência Brasil, o candidato também precisa comprovar renda familiar mensal de até três salários mínimos. Os estudantes pré-selecionados terão entre os dias 1º e 8 de agosto para concluir a inscrição no Sistema Informatizado do Fies (SisFies).

Governo cancela 180 mil auxílios-doença após revisão em perícias

Share Button
Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom/ABr

Levantamento do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) aponta que, após realizar 200 mil perícias, o governo decidiu cancelar 180 mil auxílios-doença. Com isso, diz a pasta, será possível economizar R$ 2,6 bilhões por ano. O resultado, enviado ao G1, abrange os cancelamentos até 14 de julho. O pente-fino do ministério focou naqueles beneficiários que há mais de dois anos não passavam por revisão no INSS, o que é obrigatório. “Constatou-se que a pessoa já tinha recuperado condições de voltar ao trabalho, ou seja, não persistia a incapacidade que deu motivo ao benefício, lembrando que recebê-lo nesta condição é indevido e causa prejuízo aos contribuintes”, disse o secretário-executivo do MDS, Alberto Beltrame, ao G1. Previsto em lei, o auxílio-doença estabelece o repasse de dinheiro ao segurado do INSS que, por uma doença ou acidente, fica temporariamente incapaz de trabalhar. Para receber os recursos, a pessoa precisa apresentar laudo médico e passar por revisão. O pente-fino nos benefícios pagos pelo INSS, previsto em medida provisória, começou em 2016, mas foi suspenso porque o Congresso não aprovou a MP a tempo. O governo, então, editou uma nova MP, e a revisão foi retomada no início deste ano. 



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia