WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio



rios

rios

drogaria_santana


:: ‘Destaque3’

Homem mata mãe oito anos após assassinar o pai em São Paulo

Share Button
gfgdag

Crime ocorreu em Osasco | Foto: Reprodução / Google Street View

Oito anos após matar o pai, um homem foi preso no último sábado (11) após matar a mãe em Osasco, na Região Metropolitana de São Paulo. Segundo informações da Band TV, Wengly Toledo Machado, de 27 anos, foi preso após ir até um salão de cabeleireiro e confessar que havia assassinado a mãe, Rosimeire Fátima de Toledo, de 51 anos, horas antes. A polícia encontrou o corpo da vítima em uma cama, com um corte profundo no pescoço. Ainda de acordo com a Band, ambos homicídios foram motivados pelo uso de drogas. Wengly chegou a cumprir cinco anos de prisão pela morte do pai, foi solto, e começou a residir com a mãe. Ele ficou detido na Cadeia Pública de Ocasco.

Banco Mundial prevê aumento de até 3,6 milhões de brasileiros vivendo na pobreza

Share Button
acre201402190006-1024x682

Foto: Gleilson Miranda

Estudo inédito do Banco Mundial aponta que o número de brasileiros vivendo na pobreza no Brasil aumentará entre 2,5 milhões e 3,6 milhões até o fim deste ano. Segundo informações do jornal O Globo, que teve acesso à pesquisa, a instituição chama este grupo populacional de “novos pobres” – pessoas que estavam acima da linha da pobreza em 2015 e já caíram ou cairão abaixo dela em 2017. Em sua maioria, são adultos jovens de áreas urbanas, com escolaridade média, e que foram expulsos do mercado de trabalho formal por conta do desemprego. Ainda de acordo com o estudo, o governo terá que tomar medidas para estancar o crescimento da pobreza: aumentar o orçamento do Bolsa Família este ano para R$ 30,4 bilhões (ou R$ 31 bilhões em um cenário mais pessimista). O programa, no entanto, tem R$ 29,8 bilhões garantidos para 2017. O Banco Mundial estima que 810 mil a 1,1 milhão de famílias serão elegíveis para receber o benefício este ano, o que resultará no acréscimo no orçamento. O relatório projetou a taxa de pobreza extrema no país, que em 2015 chegava a 3,2%. Se o Bolsa Família não aumentar, a proporção de brasileiros em situação de miséria subirá para 4,2% este ano no cenário otimista e para 4,6% no pessimista. Caso seja feita a ampliação do programa, o crescimento deve ser de 3,5% (cenário otimista) e 3,6% (cenário pessimista).

Cadastrado como ‘devedor’, prefeito de SP processa a própria prefeitura por cobrança indevida de IPTU

Share Button
fp_doria_remedios_foto_fernando_pereira_00108022017

Foto: Fernando Pereira

O prefeito de São Paulo, João Doria, está processando a própria prefeitura do município que comanda por discordar da cobrança de mais de R$ 500 mil de IPTU de imóveis que estão no nome dele. De acordo com a coluna Expresso, da revista Época, os advogados de Doria já conseguiram provar que a cobrança é indevida. A Justiça ordenou que a prefeitura suspenda a exigência do pagamento. A Secretaria de Finanças atendeu, no entanto, em seu sistema ainda classifica Doria como “devedor”. A defesa do prefeito alega que o município descumpre ordem judicial e que a classificação pode prejudicar a imagem do tucano. “A situação…pode ser utilizada para denegrir a imagem do impetrante (Doria)… como se estivesse em situação de inadimplência perante o Erário Municipal, o que causará sérios danos à sua administração”, justifica a defesa.

STF licita 12 toneladas de açúcar; quantidade equivale a 32kg por dia

Share Button
Foto: Reprodução/ Uagro

Foto: Reprodução/ Uagro

O Supremo Tribunal Federal (STF) abriu licitação para 12 toneladas de açúcar. A quantidade total equivale a 32 quilos de açúcar por dia no período de um ano. São 1.800 pacotes de cinco quilos de açúcar cristal e três mil pacotes de um quilo de açúcar refinado. De acordo com a coluna Expresso, da revista Época, a previsão é de gasto superior a R$ 33 mil com as 12 toneladas do produto.

Entre Senado e Câmara, futuro de Wagner na política cria racha no PT

Share Button
Entrevista Coletiva do Governador Jaques Wagner e Ministros Na foto: Foto:Alberto Coutinho/AGECOM

Foto: Alberto Coutinho/AGECOM

Novo secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia, o ex-ministro Jaques Wagner é alvo de um cabo de guerra entre cardeais do PT nacional e estadual sobre seu futuro nas eleições de 2018. Segundo informações da coluna Satélite, do Correio 24 Horas, integrantes do partido em Brasília e São Paulo, entre os quais o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, preferem que Wagner dispute uma cadeira de deputado federal na próxima sucessão. Acham que sua presença no páreo da Câmara alavancaria candidatos petistas e de eventuais partidos coligados. O que, em tese, evitaria a redução da bancada aliada ao Palácio de Ondina no Congresso. Em contrapartida, os líderes do PT no estado querem vê-lo na corrida do Senado. Para eles, seria a melhor tática para fortalecer a chapa majoritária encabeçada pelo governador Rui Costa, que tem em Wagner o maior cabo eleitoral. A primeira opção deixaria Rui livre para negociar duas vagas de senador e uma de vice-governador com as siglas da base aliada. A segunda levaria as legendas governistas a se engalfinharem por apenas dois espaços.

Guerra de liminares: Nova decisão impede nomeação de Moreira Franco

Share Button
moreira-franco

Moreira Franco | Foto: Andressa Anholete/ AFP

A juíza Regina Coeli Formisano, da 6ª Vara Federal do Rio, concedeu liminar nesta quinta-feira em que suspende a nomeação de Moreira Franco como ministro da Secretaria-Geral da Presidência. Um juiz de Brasília já havia tomado a mesma decisão, mas ela foi revertida em instância superior após recurso da Advocacia-Geral da União. Moreira Franco foi citado na Lava-Jato e, com a nomeação do presidente Michel Temer, passaria a ter foro privilegiado e só poderia ser investigado pelo Supremo Tribunal Federal (STF). Com a decisão da juíza, ele não pode assumir o cargo novamente. De acordo com O Globo, a juíza disse ter conhecimento da distribuição de diversas ações similares por todo o país pedindo a suspensão da nomeação e comparou ainda a nomeação de Moreira, feita por Temer, com a indicação de Lula para o ministério, feita pela ex-presidente Dilma Rousseff. Na ocasião, a nomeação de Lula foi suspensa pela Justiça. A Advocacia-Geral da União informou que já recorreu da segunda liminar.

Mulher é presa com 37 kg de drogas dentro de ônibus na BR-116

Share Button
droga_onibus

Mulher viajava de São Paulo à Aracaju, onde entregaria a droga | Foto: Divulgação/ PRF

A Polícia Rodoviária Federal (PRF) apreendeu 37 quilos de drogas, sendo 51 tabletes de maconha e um de cocaína, no fim da noite desta quarta-feira (8) na BR-166, trecho de Vitória da Conquista, na região sudoeste da Bahia. Segundo a corporação, a droga estava dentro da bagagem de uma mulher que viajava em um ônibus interestadual. Durante inspeção ao bagageiro do veículo, os agentes encontraram os entorpecentes escondidos dentro de uma bolsa e de uma caixa. Após ser identificada como proprietária da droga pelos policiais, a mulher, que não teve a identidade divulgada, revelou que estava transportando os entorpecentes de São Paulo para Aracaju (SE) e receberia certa quantia em dinheiro pelo serviço. Ela foi presa em flagrante pelo crime de tráfico de entorpecentes e encaminhada para a delegacia da Polícia Civil local.

Notícias de Santaluz

Juiz suspende por liminar nomeação de Moreira Franco para ministro

Share Button
moreira_franco_1

Foto: Givaldo Barbosa/ Agência O Globo

A nomeação de Moreira Franco para ministro da Secretaria-Geral da Presidência da República foi suspensa no início da noite desta quarta-feira (8) por uma liminar do juiz Eduardo Rocha Penteado, da Justiça Federal do Distrito Federal, segundo informou o colunista Lauro Jardim, do jornal O Globo. Vale ressaltar que ele foi citado 34 vezes na delação premiada de Cláudio Melo Filho, ex-vice-presidente de Relações Institucionais da Odebrecht. A nomeação ocorreu apenas três dias após a homologação das delações, o que implicará na mudança de foro.  Na decisão, o juiz cita a jurisprudência existente com a decisão de Gilmar Mendes sobre Lula, impedindo o petista de se tornar ministro de Dilma Rousseff. “No Mandado de Segurança nº 34.070/DF, o Ministro Gilmar Mendes reconheceu que consubstancia desvio de finalidade o ato do Presidente da República que nomeia Ministro de Estado com o propósito de conferir a este foro por prerrogativa de função. Tratava-se, no caso, da nomeação de Luiz Inácio Lula da Silva para o cargo de Chefe da Casa Civil, à época realizado pela Ex-Presidente Dilma Rousseff”, escreveu o juiz.

Embasa alerta para redução do consumo de água na região atendida pelo sistema de abastecimento do sisal

Share Button
barragem-de-pedras-altas_foto_cassia_dias-1024x680

Barragem de Pedras Altas está com apenas 30% de sua capacidade | Foto: Cássia Dias/ Arquivo

A falta de chuvas vem provocando o acentuado rebaixamento do nível da Barragem de Pedras Altas, manancial responsável pelo abastecimento de água dos municípios de Candeal, Capela do Alto Alegre, Capim Grosso, Gavião, Ichu, Nova Fátima, Pé de Serra, Pintadas, Quixabeira, Riachão do Jacuípe, São Domingos, São José do Jacuípe e Valente. Segundo a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa), o reservatório está com apenas 30% de sua capacidade.

Esta situação está levando a Embasa a iniciar uma campanha de conscientização para o uso racional da água distribuída nos municípios. Segundo a empresa, o mote da campanha é “Economize água. Cada gota conta” e busca alertar à população sobre a necessidade de consumir menos água para que seja possível garantir a continuidade do abastecimento regular diante dos efeitos da estiagem prolongada que acontece em toda a região.

A disponibilidade hídrica da barragem de Pedras Altas é monitorada diariamente pela Embasa e pelo Inema, órgão ambiental do Governo do Estado responsável pela gestão e fiscalização da utilização dos recursos hídricos estaduais. “No ano passado, nesse mesmo período, a barragem estava com mais de 70% da capacidade”, informa o gerente da unidade regional da Embasa em Feira de Santana, Euvaldo dos Santos Neto.

Ação preventiva
Como medida preventiva, a Embasa diminuiu a retirada de água da barragem de Pedras Altas e está complementando com água advinda da barragem de São José do Jacuípe. Do volume total distribuído hoje, 70% vem de Pedras Altas e 30% de São José do Jacuípe. É uma medida temporária visando preservar o máximo possível a disponibilidade de Pedras Altas.

Mesmo com essa ação, a tendência é a diminuição progressiva do nível da barragem, caso não chova. As altas temperaturas também são um fator preocupante, pois, além de contribuir para aumentar o consumo, também são responsáveis pela evaporação diária de água da barragem. “Chegamos a um cenário em que será preciso consumir menos água para evitar um racionamento”, reforça o gerente.

Recomendações
Nessa conjuntura, a Embasa recomenda que os moradores dos treze municípios evitem o uso de água potável para fins menos importantes como a lavagem de carros, de calçadas ou rega de plantas e jardins, priorizando o reuso. Mais dicas de economia podem ser acessadas no site www.eueconomizoagua.com.br

Também é importante que os proprietários revisem as instalações internas dos seus imóveis, de modo a evitar a ocorrência de vazamentos. Em caso de vazamentos na rua, os moradores podem informar à Embasa pelo 0800 0555 195 para que a empresa faça a correção no menor tempo possível, evitando o desperdício.

Notícias de Santaluz

Sindicância do TCU diz que Tiago Cedraz não praticou tráfico de influência

Share Button
tiagocedraz

Tiago Cedraz | Foto: Reprodução/ TV Justiça

Uma sindicância feita pelo Tribunal de Contas da União (TCU) apontou que não houve tráfico de influência quanto à atuação do escritório de Tiago Cedraz na corte. O advogado baiano é filho do ex-presidente do TCU, Aroldo Cedraz. A sindicância indicou ainda que o escritório não teve acesso privilegiado a dados do órgão. De acordo com a coluna do Estadão, a sindicância foi aberta em setembro de 2015, com prazo de 30 dias, e reinstaurada sete vezes. O caso foi denunciado pelo presidente da UTC e delator da Lava Jato, Ricardo Pessoa. O ministro Walton Alencar, relator da investigação, levou a situação à Corregedoria do TCU e, após o resultado, disse que houve apuração extrema.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia