Share Button
Foto: Mateus Pereira

Foto: Mateus Pereira

A difícil busca por vagas em Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) destinadas a pacientes confirmados com a Covid-19 ou suspeitos que aguardam resultados de exames cresceu em Santaluz, na região sisaleira da Bahia.

De acordo com dados obtidos pelo Notícias de Santaluz, somente entre o último sábado (1) e esta quarta-feira (5), foram realizadas seis transferências de pacientes, todos em estado grave, para leitos de UTI em hospitais de maior complexidade em Salvador. Ambos, com exceção de uma criança de 6 anos, são idosos com 74, 75, 82, 85 e 88 anos.

Outros dois idosos, de 60 e 72 anos, também foram levados recentemente para hospitais da capital baiana, onde se encontram entubados. Há ainda um paciente aguardando autorização da Central Estadual de Regulação para transferência.

Além da preocupação com a quantidade de leitos de UTI disponíveis nos hospitais de maior complexidade, o crescente número de casos de contaminação pelo coronavírus em Santaluz também tem deixado as autoridades em alerta.

Somente nesta terça-feira (4), foram divulgados 17 novos diagnósticos positivos de Covid-19 na cidade, que já registrou 251 casos confirmados da doença desde o começo da pandemia, com 7 mortes, segundo o mais recente boletim divulgado pela Secretaria Municipal de Saúde.

Foto: João Garcia/Foto Luz Stúdio/Arquivo

Foto: João Garcia/Foto Luz Stúdio/Arquivo

Procurada, a prefeitura orientou, com base em recomendação de autoridades de saúde, que as pessoas que puderem fiquem em casa, evitando aglomeração, e não descartou a possibilidade de voltar a implementar medidas mais rígidas como o lockdown, caso o número de novos casos da Covid-19 no município não se estabilize nos próximos dias.

A medida, que restringe o funcionamento do comércio, com exceção de algumas atividades essenciais, já foi adotada no mês de julho, entre os dias 11 e 15, sendo acompanhada por toque de recolher.

Notícias de Santaluz