Share Button

Por Deutsche Welle

Foto: Reprodução/Pixabay

Foto: Reprodução/Pixabay

O presidente do Irã, Hassan Rohani, anunciou neste domingo (10) a descoberta de um novo campo de petróleo no sul do país, com mais de 50 bilhões de barris de óleo bruto. O achado pode aumentar em um terço o tamanho das reservas comprovadas de petróleo do país persa. O anúncio de Rohani é feito no momento em que o Irã se vê pressionado pelas sanções americanas, depois de os EUA terem abandonado, no ano passado, o acordo nuclear antes firmado com potências mundiais. Segundo ele, mais de 53 bilhões de barris seriam adicionados às reservas comprovadas do Irã, atualmente em cerca de 150 bilhões. “Estou dizendo à Casa Branca que nos dias em que você sancionou a venda de petróleo iraniano, os trabalhadores e engenheiros do país foram capazes de descobrir 53 bilhões de barris de petróleo”, afirmou Rohani, segundo a agência semioficial de notícias Fars. O Irã tem atualmente o quarto maior depósito comprovado do mundo de petróleo bruto, e as segundas maiores jazidas de gás natural do planeta. O país partilha um enorme campo offshore no Golfo Pérsico com o Qatar. O novo campo petrolífero poderá tornar-se o segundo maior campo do Irã – o maior, com 65 biliões de barris, fica em Ahvaz. O campo é de 2.400 quilômetros quadrados, com o depósito a cerca de 80 metros de profundidade. De acordo com cálculos da Organização dos Países Exportadores de Petróleo (Opep), cerca de 100 milhões de barris de petróleo são necessários em todo o mundo por dia. Um barril, a medida padrão da indústria, contém 159 litros de petróleo. O cartel do petróleo estima que a demanda aumentará em cerca de 12% até 2040.