Share Button
naom_5832a3af08434

Foto: Inácio Teixeira/ Coperphoto

O ex-governador do Rio Anthony Garotinho deve passar por visitas surpresa sistemáticas da Polícia Federal após receber alta e passar ao regime de prisão domiciliar. De acordo com informações do G1, os agentes devem fazer o monitoramento pelo menos três vezes ao dia. Apenas visitas de familiares e de advogados estão permitidas. Garotinho deixou o Hospital Quinta D’Or na manhã desta terça-feira (22). A prefeita de Campos esposa dele, Rosinha Garotinho, acompanhou a saída do marido da unidade hospitalar. Agora, o ex-governador está detido em seu apartamento no bairro do Flamengo, no Rio. Ele é suspeito de usar o programa social Cheque Cidadão para obter votos nas eleições de Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense.