Share Button
Foto: Reprodução/Radar64

Foto: Reprodução/Radar64

Um homem, de 34 anos, foi preso em Eunápolis, no sul da Bahia. De acordo com o site Radar 64, o suspeito, que é conhecido como pregador de igreja evangélica, é acusado de manter a esposa, de 18 anos, em cárcere privado. À polícia, a vítima contou que também sofria violência física e psicológica de Leones Pereira de Jesus. Ela declarou que já durante o namoro tinha sido agredida com socos e tapas, situação que continuou com o casamento. Os dois estavam juntos desde fevereiro deste ano. Ainda segundo o site, a jovem também afirmou que era proibida de falar com familiares e tinha de andar nas ruas de cabeça baixa. O marido, segundo ela, era muito ciumento. A denúncia que resultou na prisão do acusado ocorreu após denúncia da mãe da vítima. Leones foi encontrado dentro de casa. Ainda segundo a polícia, o acusado era pregador itinerante de igrejas evangélicas da região. Nas idas às igrejas, levava a esposa para cantar nos louvores.