Share Button

Por G1 BA

Foto: Reprodução/Redes sociais

Foto: Reprodução/Redes sociais

O prefeito de Salvador, ACM Neto, disse que se não houver um plano de imunização coletiva contra a Covid-19, até o mês de novembro, o carnaval poderá ser adiado na capital baiana. As declarações foram dadas por ele durante entrevista coletiva na manhã desta segunda-feira (13). “Se não houver uma vacina ou se não houver uma clareza em relação à imunidade coletiva até o mês de novembro, então pode ser que a prefeitura não tenha elementos de segurança para manter o carnaval”, disse ACM Neto. “Caso cheguemos ao mês de novembro sem segurança plena para realizar o carnaval em fevereiro, eu acredito que ninguém vai autorizar que a festa aconteça, eu não autorizaria”. Questionado sobre o Festival Virada, evento promovido pela gestão ACM Neto para celebrar o ano novo, o prefeito enfatizou que também só haverá decisões de realização ou não no mês de novembro. Com relação ao Festival da Primavera, realizado sempre no mês de setembro, o prefeito disse que não deve ser feito, pois não é uma prioridade fazer festas em meio à pandemia.