Share Button
rs_lula-em-comicio-na-cidade-de-crato-no-ceara_00109212016-850x473

Foto: Ricardo Stuckert/ Instituto Lula

O ex-presidente Lula teria recebido R$ 8 milhões em propina da Odebrecht, de acordo com a Polícia Federal. A informação consta no despacho que indiciou nesta segunda-feira (24) o ex-ministro da Fazenda, Antonio Palocci, na Operação Lava Jato. De acordo com o Bahia Notícias, o mesmo documento aponta que o apelido “Amigo”, que aparece numa planilha de pagamentos de propina apreendida com funcionários da empreiteira, refere-se ao petista. De acordo com as listas da Odebrecht, R$ 23 milhões teriam sido pagos em benefício de Lula. Deste montante, R$ 8 milhões foram pagos em 2012. Segundo o relatório, o valor foi liberado “sob solicitação e coordenação de Palocci”. O destino dos R$ 15 milhões restantes ainda é desconhecido. O ex-presidente nega ter recebido ou solicitado propina e afirma ser perseguido politicamente pela operação.