xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.-M-sQzlvBp

Foto: Reprodução / TV Bahia

A vigilância sanitária de Barreiras, no oeste do estado, apreendeu cerca de R$ 100 mil em medicamentos clandestinos nesta quinta-feira (5). Segundo o órgão, a empresa, localizada no bairro JK, vendia os produtos sem alvará sanitário e de funcionamento.  Ainda de acordo com a vigilância, os produtos e suplementos alimentares da Comercial Rios seriam fabricados pelo próprio empresário – que está foragido – em Capim Grosso, no Piemonte da Diamantina. “O proprietário ainda não foi localizado. Ele abriu essa empresa no nome de um laranja, um rapazinho que disse ser funcionário dele e receber somente um salário mínimo”, relatou o diretor, Márcio Pitta, em entrevista ao Correio. Os produtos eram vendidos por pessoas contratadas pelo empresário em uma loja de Barreiras, que fica anexa a um depósito onde os medicamentos eram armazenados, como também em outras cidades do interior. Uma denúncia realizada há 15 dias levou a vigilância a fazer o flagrante.