Estadão Conteúdo
RTEmagicC_2aa91ebc92.jpg

Decisão sobre Anderson Silva sai na quarta e lutador pode receber punição pesada | Foto: Divulgação/UFC

O presidente do UFC, Dana White, afirmou que uma decisão sobre o caso de doping do brasileiro Anderson Silva será anunciada na quarta-feira (18), em uma entrevista coletiva que ocorrerá em Las Vegas. “Vamos conversar sobre isso (o caso de Anderson Silva) com vocês na quarta-feira. E não vamos falar sobre coisas divertidas”, disse Dana em Broomfield, nos Estados Unidos, depois do UFC Fight Night que teve como evento principal a vitória de Ben Henderson sobre Brandon Thatch. “Vamos falar sobre o que tem acontecido nos últimos dias e o que vamos fazer no futuro.” A entrevista do presidente do UFC será um dia depois da audiência de Anderson Silva na Comissão Atlética de Nevada. O lutador vai prestar esclarecimentos sobre o caso pela primeira vez. Ele foi flagrado em exame realizado no dia 9 de janeiro, testando positivo para as substâncias proibidas drostanolona e androsterona. Um segundo exame, no dia 19 de janeiro, não acusou nenhuma substância proibida, mas um terceiro, dia 31 de janeiro, deu novamente positivo, segundo informação do respeitado site MMA Junkie, embora o resultado não tenha sido divulgado oficialmente. Anderson Silva foi retirado do reality show The Ultimate Fighter Brasil 4, que estava sendo gravado em Las Vegas, poucos dias depois de o presidente do UFC ter dito que o lutador ficaria no programa até tudo ser esclarecido. Ele foi substituído por Rodrigo Minotauro. Dana admitiu que sofreu bastante quando o caso de doping foi divulgado publicamente. “Isso me devastou durante alguns dias. Fiquei simplesmente atordoado por alguns dias depois daquilo. Eu sempre fui um enorme fã do Anderson.”