protesto_uneb_2

Protesto começou na manhã desta sexta-feira | Foto: Jamai Damasceno/Arquivo Pessoal

Os funcionários de limpeza terceirizados da Universidade Estadual da Bahia (UNEB) protestam em frente ao campus da universidade, localizado no município de Juazeiro, cerca de 500 Km de Salvador. O atraso no pagamento dos salários é o motivo para a mobilização que acontece desde a manhã desta sexta-feira (21). Apesar do protesto, as aulas na unidade de ensino ocorrem normalmente. De acordo com Jamai Damasceno, administrador regional do Sindicato dos Trabalhadores de Limpeza da Bahia (Sindilimp), a paralisação começou na segunda -feira (17) e se estende até esta sexta-feira com o início dos protestos. Cerca de 60 pessoas colocaram fogo em pneus durante a manifestação. Segundo Ruy de Carvalho Rocha, professor e diretor do Departamento de Tecnologias e Ciências Sociais da universidade, providências já estão sendo tomadas para regularização dos salários. Com informações do G1.