vlad

Vlad foi preso no estado de Alagoas e será encaminhado para São Paulo ainda nesta sexta-feira | Foto: Reprodução/ Rede Globo

O baiano Vladimir Ribeiro Brito, 39 anos, conhecido como ‘Vlad’, ex-morador de Santaluz, foi preso nesta sexta-feira (5), na cidade de Rio Largo, no estado de Alagoas, distante cerca de 27 quilômetros da capital Maceió. Segundo a polícia, ele é acusado de liderar uma quadrilha de tráfico de drogas em São Paulo. Além de Vlad, outras 32 pessoas foram presas em diversos locais do estado, em ação desencadeada pelo Departamento Estadual de Prevenção e Repressão ao Narcotráfico (Denarc) com apoio da Polícia Militar. Conforme a polícia, a quadrilha estava sendo investigada há sete meses e usava prédios da região central da capital paulista ocupados por sem teto para comprar e vender drogas. No fosso de um elevador desativado de um desses prédios, a polícia encontrou drogas, armas de groso calibre, facas e balanças de precisão. Para a polícia, os bandidos se aproveitaram dos verdadeiros sem teto para ocupar os prédios. Segundo a polícia, Vlad é um dos líderes do Movimento dos Sem Teto de São Paulo. Ele será encaminhado para a capital paulista, onde ficará preso à disposição da Justiça paulista.  A Polícia Civil concederá uma coletiva de imprensa na tarde desta sexta para apresentar mais detalhes sobre a operação. Vladimir é natural de Vitória da Conquista, região sudoeste da Bahia, mas residiu em Santaluz entre 2005 e meados de 2009, onde trabalhou como técnico de informática em um provedor de internet local. Durante esse período, ele morou em uma casa localizada na Rua Cosme de Farias. Vlad esteve em Santaluz no ano passado, no período em que foi realizada a festa em comemoração ao aniversário de 80 anos da cidade.

Redação Notícias de Santaluz