xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.QJ7laJj2N2

Foto: Reprodução

A Polícia Federal deflagrou na madrugada desta quarta-feira (12) a Operação Trevo na Bahia e em mais 12 estados, com o objetivo de desbaratar uma quadrilha que agia em atividades ilícitas. As ações se estendiam desde a prática do jogo do bicho e máquinas caça-níqueis até a emissão de bilhetes de loteria transvestidos como títulos de capitalização. Segundo informações preliminares, o alvo da Polícia Federal (PF) no estado baiano é o grupo responsável pelo Bahia Dá Sorte. O Bahia Notícias, contudo, informou que não conseguiu contatos com os telefones disponíveis e o site foi retirado do ar. Foram cumpridos em território baiano quatro mandados de busca, três de prisão preventiva e um de prisão temporária. Entre os objetos apreendidos estão dinheiro, computadores e documentos. A organização criminosa operava por meio de loterias estaduais cujos valores arrecadados eram repassados a entidades filantrópicas de fachada, fazendo com que o dinheiro ilícito retornasse ao grupo, em um procedimento suspeito, com fortes indícios de lavagem de dinheiro.