Um homem foi preso depois de invadir um escritório de contabilidade no bairro Kalilândia, em Feira de Santana, a 109 km de Salvador. Segundo o Correio24h, Jeremias Assis Silva, 36 anos, entrou no local e ameaçou atear fogo no próprio corpo no começo da tarde desta segunda-feira (4). Jeremias estava com  gasolina em uma vasilha e também ameaçava incendiar o local exigindo pagamento de dívidas. Ele estava também com um isqueiro durante todo período. O Corpo de Bombeiros foi chamado para ajudar na situação. Segundo informações da 64ª Companhia Independente de Polícia Militar, Jeremias afirmou que assinou cerca de 10 cheques para o dono do escritório e que tentava sem sucesso receber o dinheiro referente ao empréstimo. Ele disse que seu nome foi incluído no Serviço de Proteção ao Crédito (SPC) e depois disso perdeu a cabeça. “Ele sujou meu nome. Sou conhecido como Bob, em toda a cidade. Eu tive que fazer isso porque precisava limpar meu nome.