xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.bMHRKvTKC4

Foto: Reprodução

Um homem de 27 anos foi preso pela Polícia Civil do Rio de Janeiro, em São Gonçalo, no sábado (7), acusado de torturar o filho da própria namorada, que sofre de paralisia cerebral. Segundo o jornal Folha de S. Paulo, a mãe do garoto já desconfiava que o namorado, com quem vivia há dois meses, o agredia e deixou uma câmera escondida para flagrar a ação. O delegado que acompanha o caso disse que as imagens são “estarrecedoras”. “Ela viu o filho com o corte e perguntou ao namorado o que havia acontecido”, contou Jorge Veloso, titular na 73ª delegacia das Neves. No vídeo, o homem torce mãos e pernas no garoto e puxa, com violência, sua cabeça para trás. De acordo com o delegado, as agressões foram motivadas porque o homem tinha ciúmes dos cuidados que a mulher dedicava ao filho. O acusado foi autuado por tortura e possui passagem na polícia por crime de lesão corporal.