Share Button

Por Page Not Found | Extra

Foto: Reprodução/Instagram(ronniecnyc)

Foto: Reprodução/Instagram(ronniecnyc)

Um homem furou a quarentena decretada em Nova York (EUA) para impedir a disseminação do coronavírus e decidiu dar uma volta pelas ruas praticamente vazias da Big Apple. Porém, ao acelerar demais o seu Porsche Gemballa Mirage GT, avaliado em R$ 5,1 milhões, no centro de Manhattan, o motorista acabou provocando uma forte colisão com uma minivan estacionada, que por sorte estava vazia. O supercarro, que é bastante raro, ficou destruído, e o condutor fugiu do local do acidente dirigindo o veículo, após ser abordado por policiais, contou o “New York Post”. O acidente ocorreu na manhã de terça-feira (7). O magnata Benjamin Chen, de 33 anos, que tem uma coleção de carros de alto luxo, não foi muito longe. Ele acabou preso logo após a fuga, com suspeita de estar sob efeito de droga. Horas depois, a intoxicação foi confirmada, e o magnata acabou indiciado por direção perigosa e sob efeito de substância ilegal. O coronavírus já matou mais de 3 mil pessoas só no estado de Nova York. Nos EUA, o número de mortos chegou a 14.739. Com isso, o país se aproxima do segundo colocado no ranking de nações com mais mortes, a Espanha, que tem 14.792. O lugar onde mais pessoas morreram até o momento foi a Itália: 17.669.