xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.4-GrojPJ7I

Foto: Mohsin Raza/Reuters

A Justiça no Paquistão retirou a acusação contra o bebê de nove meses que havia sido acusado de tentativa de homicídio. O menino compareceu, neste sábado (12), a uma audiência em um tribunal em Lahore, no nordeste do país. A criança foi levada para a audiência nos braços de seu avô. A acusação contra ela foi retirada, mas mantida contra a família, acusada de participar do confronto, que aconteceu quando os funcionários de uma companhia tentavam cobrar faturas não pagas ou evitar o roubo de gás. O caso gerou um debate sobre o funcionamento do sistema judiciário paquistanês, depois que começou a circular a imagem do bebê, Muhammad Musa Khan, chorando enquanto faziam a cópia de suas impressões digitais na primeira audiência. A polícia abriu uma investigação interna para determinar o porquê de o menor ter sido acusado juntamente com seus familiares.