mais_1416972725
Após repercussão nas redes sociais e na mídia local e da região, do caso das jovens que invadiram o cemitério de Monte Santo para gravar um vídeo dançando ‘pagodfunk’ sob os túmulos, a Polícia Civil acionou os pais dos adolescentes para prestar esclarecimentos. Uma sindicância foi aberta e o procedimento foi encaminhado à Juíza da comarca para que sejam tomadas as devidas providências. O Conselho Tutelar do município também informou que está acompanhando o caso e deverá aplicar medidas socioeducativas às adolescentes, que foram enquadradas na prática de ato infracional, conforme os artigos de número 110 e 111 do Estatuto da Criança e do Adolescente, assim como no art.5º, incisos LIV e LV da Constituição Federal, que prevê a preservação do Direito das Crianças e Adolescentes, onde os pais podem ser responsabilizados pelos atos. A atitude das jovens causou muita revolta na população, que destacou como “uma falta de respeito”, porém, nenhum membro do grupo das jovens, que sem intitula como “Bonde das Menores”, utilizou de seu perfil nas redes sociais para se retratar do fato, muito pelo contrário, gozam do “holofote momentâneo” e ironizam ao falar que precisam de segurança particular pra sair de casa. A segurança no entorno do cemitério foi reforçada, segundo informa a Guarda Civil Municipal, além da disponibilização de uma viatura da guarda para garantir a segurança e o sossego do patrimônio público da cidade. Informações do portal MonteSanto.net.