Share Button

Foto: Pixabay

A primeira parcela do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) de setembro será de R$ 4,6 bilhões, o que representa crescimento de 104,58% em comparação com o repasse feito no mesmo período de 2020, segundo levantamento da Confederação Nacional de Municípios (CNM). Os recursos entram nas contas das prefeituras nesta sexta-feira (10).

De janeiro até agora, as prefeituras receberam R$ 98 bilhões, o que é 36,25% maior que a soma anual de R$ 77 bilhões repassados no mesmo período de 2020. Mesmo considerando a inflação, o FPM fica positivo em 27,16%, e mantém a tendência de crescimento conferida ao longo do ano, em que os Municípios receberam o Fundo com aumento de 54,06% em maio; 63,67% em junho; e 63,28% em agosto.

O FPM é um repasse de verbas do governo federal para os municípios brasileiros, dividido em três cotas mensais. O dinheiro pode ser usado para pagar salários de servidores, transferir recursos para custeio da Câmara de Vereadores, quitar dívidas com fornecedores e manter os serviços públicos prestados à população.

Notícias de Santaluz