IMAGEM_NOTICIA_5 (3)

Foto: Reprodução / Globo News

O promotor Cássio Conserino afirmou que vai pedir revisão da liminar que suspendeu a audiência do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva a da mulher dele, Marisa Letícia, segundo informou o Bahia Notícias. O promotor tomaria depoimento do petista nesta quarta-feira (17) e disse que a decisão do Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) “prejudica o trâmite da investigação criminal”. Nesta terça (16), o conselheiro do CNMP Valter Shuenquener de Araújo acatou um requerimento do deputado federal Paulo Teixeira (PT-SP), que pedia que os depoimentos fossem suspensos. “Quanto à alegada prevenção desta investigação criminal com investigação anterior mencionada na decisão do CNMP, os promotores de justiça ressalvam, com veemência, que o ilustre conselheiro do CNMP certamente foi induzido em erro”, afirma nota assinada por Cássio e outros três promotores. Mesmo sem os depoimentos nesta quarta, grupos a favor e contra o ex-presidente foram se manifestar  em frente Fórum Criminal da Barra Funda, na cidade de São Paulo, e entraram em conflito.