Share Button
Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), vai proibir viagens oficiais para os parlamentares no período de votação da reforma da Previdência. A medida é para evitar que possíveis deputados infiéis se faltem para se “esconder” no exterior, de acordo com a coluna Painel, da Folha de S.Paulo. Aliados do governo que estão com viagens marcadas estão sendo orientados a remarcar os compromissos. O relatório deverá ser votado na comissão especial na próxima quarta-feira (3).