WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio



Max Santa Luzia

Laboratório Checap

Império Store

Drogaria Santana

Artigo: Quanto Vale o Ouro?

barra ouro

Foto: Divulgação

Quanto vale o ouro? A exploração de recursos minerais trás para a nação uma expectativa de desenvolvimento econômico, geração de trabalho e renda e a esperança de uma vida melhor, essa é a expectativa, mas a realidade, principalmente das comunidades circunvizinhas da exploração, é completamente diferente. As alterações no equilíbrio ambiental e o impacto negativo da atividade das mineradoras vem degradando a vegetação e o solo e prejudicando a saúde da população.

O Território do Sisal tem um dos solos mais ricos da Bahia e do Brasil! Tendo minérios de ferro, ouro, diamantes entre outras riquezas minerais. Percebendo o potencial que o Território tem as pesquisas minerais se expandiram em uma região antes considerada de solo pobre, hoje desperta o interesse de várias empresas multinacionais.

Uma dessas empresas é a Yamana Gold, que implantou no final de 2012 o projeto C1 Santa Luz para a exploração de minérios principalmente o ouro. Localizada a 35 km da cidade de Santa Luz no estado da Bahia, ocupando uma área de 197.000 hectares.

Desde o inicio da implantação da mina, as comunidades circunvizinhas passaram a conviver com dois pensamentos conflitantes; de um lado o desenvolvimento econômico; do outro os transtornos causados pela exploração mineral, problemas como transito na via de sinal que além de intenso, é perigoso e mais caro, o Rio Itapicuru que esta sendo “sangrado”, a mineradora retira bastante água do Rio, além da poeira das explosões que cobre toda a comunidade ribeirinha.

PATRICIA SANTIAGO 1096

Foto: Divulgação

Uma das comunidades, que fica a 600 metros da mina, o Assentamento de Reforma Agrária Nova Esperança, município de Cansanção, a 300 km de Salvador, vem passando por vários problemas de saúde e ambiental. A poeira que toma conta de toda a comunidade vem trazendo problemas respiratórios, relatados pelos moradores, invade os reservatórios de água ficando imprópria para o consumo humano. Segundo os moradores, a vegetação não é mais a mesma, em alguns casos como de fruteiras diminuíram ou pararam de produzir depois das atividades da mineradora.

Todo esse movimento fez com que a comunidade de Nova Esperança promovesse reuniões e protestos. Uma solução apontada para diminuir os problemas foi a remoção da comunidade, sendo que a empresa assumiria todos os custos dessa remoção. O prazo acordado entre a comunidade e a empresa foi de um ano, o local já está identificado, mas até o momento a única obra foi a de acesso a comunidade, o prazo de entrega é para 02 de julho de 2014.

NOVA

Foto: Divulgação

Faltando, aproximadamente, 3 meses pra findar o prazo, a terraplanagem ainda não foi feita. Os moradores da comunidade cada dia que passa ficam mais angustiados com a situação. O maior bem do mundo é o ser humano! Pelo menos era pra ser, aí fica a pergunta, até que ponto é importante explorar o ouro sem levar em consideração a vida do ser humano e a natureza?

Qual o valor do ouro? E o da vida?

FATRES OFTexto enviado pela assessoria de comunicação da Fundação de Apoio aos Trabalhadores Rurais, Agricultores Familiares da Região do Sisal e Semiárido da Bahia (FATRES)

6 respostas para “Artigo: Quanto Vale o Ouro?”

  • adilton disse:

    Verdade.e muita falta de respeito com quem já estava lá. Força galera

  • o ouro vale o egocentrismo. O rico querendo ficar mais rico. e o pobre mais pobre e sendo enganado pelos ricos.
    enquanto a sociedade não se unir e fazer sua exigência vai ser daí pra pior.

  • O ouro vale o egocentrismo. O rico querendo ficar mais rico. e o pobre mais pobre e sendo enganado pelos ricos.
    enquanto a sociedade não se unir e fazer a suas exigência vai ser daí pra pior.

  • OLIVEIRA disse:

    NA MINHA opinião vejo,que é uma situação muito delicada.quem leva a maior parte ai é a prefeitura,que recebe aparte dela e não faz com que nada volte pra comunidade,então esta na hora da comunidade se unir e ir buscar alternativas la fora porque aqui com certeza eles não vão encontrar

  • Netto Almeida disse:

    Será que vale a pena?
    A realidade é que a cidade precisa desenvolver-se economicamente e além do sisal, da pedra e da agricultura temos o ouro o mais precioso dos minerais. A empresa precisa encontrar meios que se faça possível a exploração sem afetar as comunidades. A situação que vive as comunidades nas proximidades da área de exploração realmente é de se pensar se vale a pena explorar o mineral

  • Uma vergonha disse:

    È uma falta de vergonha dos políticos que incentivam as empresas estrangeiras matar a vegetação, o solo e o o nosso povo. É assim que diz que a Bahia está no caminho do desenvolvimento? Onde está o respeito pela a vida?

Deixe seu comentário



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia