G1 BA
RTEmagicC_d20130a83d.JPG

Foto: Ed Santos/ Acorda Cidade

Cerca de seis mil integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) seguem em caminhada em direção a Salvador na manhã deste sábado (14). O ato integra a Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária. O grupo partiu de Feira de Santana, a cerca de 110 quilômetros de Salvador, na segunda-feira (9), e espera chegar na capital baiana na segunda-feira (16). O deslocamento ocorreu de forma lenta. Eles marcham nos horários mais frescos do dia e param quando o sol está mais forte. De acordo com Márcio Matos, dirigente estadual do MST, a caminhada deste sábado foi iniciada às 5h e encerrada por volta das 9h, no Km-600 da BR-324, próximo ao município de Simões Filho. “Foi uma caminhada tranquila. Agora, paramos após o pedágio da BR-324. Amanhã (domingo), retomaremos o percurso”, detalhou. Antes, eles haviam parado no Km-585 da BR-324, trecho entre os município baianos de Candeias e São Sebastião do Passé. A perspectiva dos integrantes do MST é de que a caminhada seja retomada às 5h de domingo (15). A passeata integra a Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária. A expectativa dos agricultores é de chegar em Salvador na segunda-feira, quando pretendem entregar a pauta de reivindicações na Governadoria. Entre as solicitações estão melhorias nos assentamentos, criação de territórios livres do latifúndio e do agronegócio, como também investimentos na agricultura familiar.