Ministro da Saúde Artur Shioro (Foto: Marcelo Camargo/ABr)

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) e o Ministério da Saúde anunciaram nesta terça-feira (18) a suspensão da venda de 111 planos de saúde, de 47 operadoras, por descumprimento de prazos e por negativas indevidas de coberturas assistenciais. A medida será válida por três meses a partir da sexta-feira (21). Os planos punidos atendem a 1,8 milhão de beneficiários. De acordo com o ministro da Saúde, Arhur Chioro, além da suspensão da venda de planos, a agência tem outras maneiras de interferir para a melhoria dos serviços, como a implantação de direções fiscais e técnicas para ajudar a resolver os problemas. O monitoramento para este ciclo foi feito entre 19 de agosto e 18 de dezembro de 2013. Neste período, a ANS recebeu 17599 reclamações sobre 523 planos de saúde,  alta de 16% no número de reclamações em comparação ao período anterior e maior número de reclamações desde que o programa de monitoramento foi implantado, no final de 2011. Confira lista de planos suspensos aqui!