Foto: Max Haack/ Ag. Haack/ Bahia Notícias

Uma publicação no Twitter oficial do pré-candidato a governador na chapa da oposição, o presidente do PMDB na Bahia, Geddel Vieira Lima, causou certo rebuliço na tarde desta quinta-feira (6), com especulações de que, enfim, o martelo teria sido batido. Ao ser perguntado por um seguidor se será o escolhido para concorrer ao Palácio de Ondina, o peemedebista respondeu: “Serei”. No entanto, em entrevista ao Bahia Notícias, Geddel explicou o que pretendia dizer. “É o que eu acho. Qual a novidade? Estou dizendo a mesma coisa que sempre disse. Trabalho para isso, para ser candidato. Tenho dito permanentemente. Acredito que vou ser e trabalho para isso”, pontuou. Entretanto, o peemedebista manteve o tom de cautela que o momento exige e ressaltou que nada está decidido, visto que, do outro lado, o democrata e ex-governador, Paulo Souto, também quer ser o escolhido pelo coordenador do processo e prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM). Em meio a especulações, Geddel lembrou que jamais disse que seria postulante ao Senado, Assembleia Legislativa, Câmara Federal, ou qualquer outro posto. Em tempo, segundo o Bahia Notícias, o prazo para o anúncio segue mantido, após o adiamento, para o pós-carnaval, mas não está descartado um entendimento mais cedo e o anúncio da chapa. 

Redação Notícias de Santaluz