renato-souza-conceicao-do-coite

Foto: Reprodução

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) está marcando em cima os gastos dos prefeitos e ex-prefeitos com combustível. Em Conceição do Coité, auditoria da corte revelou que o ex-gestor Renato Souza gastou mais recursos em diesel do que o sucessor, Francisco de Assis (PT), isso com uma quantidade menor de veículos à disposição da prefeitura. A diferença entre os gastos de 2012 e 2013 chega a 338 mil litros. Vereadores ligados ao atual prefeito cobram investigação por parte do Ministério Público da Bahia. As informações são da coluna Satélite, do Correio.