Assembleia_Greve_Aprovacao_Foto_Manoel_Porto

Greve foi aprovada durante assembleia realizada na noite desta quinta-feira, em Salvador | Foto: Manoel Porto

Após assembleia realizada na noite desta quinta-feira (1°), em Salvador, os bancários da Bahia aprovaram o início da greve da categoria, por tempo indeterminado, para a próxima terça-feira (6). A decisão foi tomada após os bancários rejeitarem a proposta da Fenaban (Federação Nacional dos Bancos), de reajuste salarial de 6,5%, que segundo o sindicato representa perda salarial de 2,8%, e abono de R$ 3 mil. A categoria reivindica reajuste salarial de 14,78% (reposição da inflação mais 5% de aumento real), PLR (Participação nos Lucros e Resultados) de três salários mais R$ 8.317,90, além de mais contratações, investimento em segurança e melhores condições de trabalho. “Precisamos fazer da campanha um momento de elevação da consciência política. Vamos fazer uma mobilização permanente para derrotar os patrões, que integram o setor mais lucrativo da economia nacional”, afirma o presidente do Sindicato dos Bancários da Bahia, Augusto Vasconcelos. Uma nova assembleia para organizar a paralisação será realizada na segunda-feira (5).

Redação Notícias de Santaluz