vereador_maconha1

Messias foi preso com quase 300 kg de drogas um dia após ter sido eleito vereador | Foto: Divulgação/ PM

O vereador recém-eleito no município de Ubaitaba, no sul da Bahia, Messias Aguiar (PMDB), preso por integrantes da Companhia Independente de Policiamento Especializado/Cacaueira (CIPE/Cacaueira) com quase 300 kg de drogas em uma fazenda na segunda-feira (3), teve a campanha financiada pelo tráfico de drogas da região. A informação foi divulgada nesta terça-feira (4) pela Secretaria da Segurança Pública da Bahia (SSP-BA). Cadastrado no Tribunal Regional Eleitoral como agricultor, Messias obteve a segunda maior votação no município, com 571 votos. Apresentado na 7ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Ilhéus), onde está custodiado, ele foi ouvido pelo coordenador da unidade, delegado Evy Paternostro. Segundo o delegado, embora sem passagens pela polícia, o vereador já acumulava denúncias por participação no tráfico de drogas da cidade. “Há informações de que toda a campanha tenha sido financiada pelo tráfico local”, afirmou, garantindo que “tudo será minuciosamente apurado”. Em depoimento, Messias negou ser proprietário do imóvel e também da droga, apesar de um trabalhador da fazenda, localizada no povoado de Oricó, garantir que a propriedade rural pertence a ele.

Redação Notícias de Santaluz