mulher-assassinda

Vítima havia fugido várias vezes com medo de morrer | Foto: Reprodução/Calila Notícias

O lavrador Hilário Cardoso de Lima, 65 anos, que sofre de problemas mentais, sofreu um surto psicótico no inicio da madrugada desta terça-feira (10) e desferiu vários golpes de facão na esposa Maria Luíza de Jesus, 63. O crime aconteceu na Fazenda Ipiranga, zona rural do Distrito de Salgadália, em Conceição do Coité. De acordo com um morador da região, que não teve a identidade revelada, estava em sua residência que fica a cerca de 800 metros da casa da vítima quando por volta da meia noite ouviu gritos de socorro, ” eu corri pra lá e ao chegar encontrei ela com grandes cortes de facão por todo corpo, um dos golpes praticamente decepou um braço, ela ainda respirava quando prestamos socorro, eu vinha tentando reanimar, mas, quando passava no Serrote (povoado) ela veio a óbito”, contou o vizinho ao Calila Noticias. O corpo da lavradora ainda assim foi levado para o Hospital Português Unidade Regional de Conceição do Coité, onde foi confirmado o óbito, e até às 09h20 do fechamento desta matéria permanecia na unidade aguardando a chegada do rabecão para conduzi-lo ao Departamento de Polícia Técnica – DPT de Feira de Santana. Um filho da vítima identificado por Edmilson de Jesus, que estava no momento do crime também foi atingido com golpe e levou um grande corte em uma das mãos. Outro filho que estava no Hospital enquanto esperava a chegada do rabecão, disse ao CN que não foi a primeira vez que o pai tentou matar a mãe, ” ele toma medicamento controlado mas estava se recusando a tomar,  e nos últimos dias se revoltou com ela porque estava dando a ele o remédio escondido”, revelou. O filho disse também que a presença de Edmilson na residência era estratégica, ou seja, para evitar que ele pudesse atacá-la, mas infelizmente ele não pôde evitar. E que a mesma já foi tirada de casa por até 15 dias, mas “ficava com pena” dele sozinho que dizia que imaginava “morrer a míngua”.