Share Button

Por g1 BA e TV Bahia

Foto: Myke Sena/MS

A Bahia tem 2.396.589 pessoas com a segunda dose da vacina contra a Covid-19 atrasada, de acordo com levantamento feito pela Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab). Em Salvador, os faltosos são 224.527, além de outros 59.403 que não tomaram a dose de reforço.

Com exceção da vacina da Janssen, todas as vacinas que estão sendo aplicadas na Bahia só têm garantia de eficácia quando o esquema vacinal é feito de forma completa, ou seja, com, no mínimo duas doses.

“A pessoa que tomou uma dose só não está protegida. Pelo contrário, ela está colocando em risco a sua vida e colocando a vida das pessoas próximas. E em um risco muito maior, porque a vacina que está no seu organismo não vai matar o vírus”, diz o virologista Gúbio Soares.

A corrida para a aplicação da segunda dose é justificada. Ainda segundo o virologista, quando uma dose só é aplicada, o vírus pode “aprender” a conviver com o imunizante, e provocar uma variante ainda mais agressiva que as já conhecidas atualmente.

“O vírus vai aprender como se defender das vacinas que estão sendo aplicadas, vai aparecer uma variante resistente nessas pessoas que tomaram uma dose só e não voltaram. E essa variante vai ser capaz de causar uma doença, um surto muito maior que o atual”, explicou.