WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia
Home . Inicio




Laboratório Checap

Adrivana Cunha - Hospital de Olhos

Império Store

Drogaria Santana

:: ‘Destaque2’

Polícia apreende armas e R$ 670 mil em fazenda na Bahia que pertence a irmão de prefeito de cidade paulista

Share Button

Foto: Divulgação/Polícia Civil

Uma pistola calibre 380, uma carabina calibre 22, mais de 250 munições e R$ 670 mil em espécie foram encontrados pela Polícia Civil na noite de quinta-feira (17), no município de Encruzilhada, região sudoeste da Bahia, em uma fazenda que pertence ao irmão do prefeito de Embu das Artes (SP), Ney Santos (Republicanos), que se estava no local no momento da ação.

Segundo a Polícia Civil, o político, que já foi condenado pela Justiça de São Paulo por disparo de arma de fogo em via pública e que também é investigado por envolvimento com o tráfico de drogas, negou ser o proprietário do imóvel e do dinheiro, que ainda não teve a origem comprovada.

Foto: Divulgação/Polícia Civil

A polícia informou que o gerente da fazenda chegou a ser preso em flagrante por posse ilegal de arma, mas foi liberado após o pagamento de fiança no valor de R$ 27 mil.

A operação, intitulada ‘Narco Divisa’, contou com a participação de equipes 10ª Coorpin, de Vitória da Conquista, 21ª Coorpin, de Itapetinga, Delegacia de Tóxicos e Entorpecentes de Vitória da Conquista e Departamento de Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco).

Notícias de Santaluz

Tiago Leifert assume lugar de Faustão até estreia de Huck aos domingos

Share Button

Por G1

Tiago Leifert substitui Faustão nas tardes de domingo da Globo até estreia de projeto com Luciano Huck | Foto: Reprodução/TV Globo

O apresentador Tiago Leifert vai substituir Fausto Silva e assumir as tardes de domingo da TV Globo até a estreia do novo projeto em desenvolvimento com Luciano Huck. Segundo comunicado enviado pela emissora na tarde desta quinta-feira (17), “por razões estratégicas e internas, a Globo tomou a decisão de antecipar a saída de Fausto Silva do programa, e juntos decidiram formalizar o distrato”. Fausto Silva confirmou em janeiro que deixaria o “Domingão do Faustão” e a TV Globo no fim de 2021. Em nota na época, a emissora afirmou que Fausto decidiu “encerrar sua jornada à frente de programas semanais” neste último ano de seu contrato. Foram 32 anos comandando o programa. Tiago já havia ocupado o lugar de Faustão no último domingo (13), após o apresentador ficar afastado da atração por causa de uma infecção urinária. 

Operação da PF contra fraudes ao auxílio emergencial cumpre mandados na Bahia

Share Button

Foto: Divulgação/PF

A Policia Federal deflagrou uma operação nesta quinta-feira (17) para combater fraudes no pagamento de benefícios emergenciais fornecidos pelo Governo Federal durante a pandemia. A ação cumpre 31 mandados de busca, um de prisão preventiva e 12 de sequestro de bens nos estados da Bahia, Maranhão, Minas Gerais, Paraná, Rondônia, Roraima e São Paulo. Em Salvador, com o apoio do Batalhão de Choque da Polícia Militar, a Polícia Federal cumpriu 2 mandados de prisão temporária e 4 mandados de busca e apreensão. Segundo a PF, os mandados cumpridos na capital baiana estão vinculados a três inquéritos que investigam indícios de fraude em ao menos 98 contas, gerando prejuízo de R$ 60,6 mil aos cofres públicos. Conforme a PF, o montante pode ser ainda maior, porque a análise dos valores foi feita em um período de oito dias. Além dessa operação, denominada ‘Sexta Parcela’, outras 98 já foram deflagradas pela Polícia Federal para combater fraudes em benefícios emergenciais, com a expedição de mais de 380 mandados de busca e de 50 mandados de prisão. Somente uma das organizações criminosas investigadas gerou prejuízo de R$ 580 mil aos cofres públicos, segundo a PF.

Notícias de Santaluz

Witzel e mais 11 viram réus na Justiça Federal por organização criminosa

Share Button

Por G1

Foto: Pedro França/Agência Senado

A Justiça Federal aceitou, nesta quarta-feira (16), denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra o ex-governador Wilson Witzel e outras 11 pessoas acusadas de integrar uma quadrilha que teria praticado vários crimes contra o Estado do Rio de Janeiro. Ao receber a denúncia, a juíza federal Caroline Vieira Figueiredo, da 7ª Vara Federal Criminal, tornou réus o ex-governador, a esposa dele, Helena Witzel, o ex-secretário de Saúde do RJ, Edmar Santos e outros nomes acusados pelo MPF de integrar uma organização criminosa que praticava corrupção ativa e passiva, peculato, fraude em licitações e lavagem de dinheiro. Também nesta quarta, o ex-governador foi ouvido na CPI da Covid, no Senado Federal. Na sessão, Witzel acusou o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) de deixar os governadores “à mercê da desgraça que viria”, se referindo à pandemia de Covid.

Bolsonaro ‘deixou os governadores à mercê da desgraça que viria’, diz Witzel à CPI da Covid

Share Button

Por G1 e TV Globo

Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

O ex-governador do Rio de Janeiro Wilson Witzel disse nesta quarta-feira (16) à CPI da Covid que o presidente Jair Bolsonaro “deixou os governadores à mercê da desgraça que viria”. “O único responsável pelos [mais de] 400 mil mortes que tem aí tem nome, endereço e tem que ser responsabilizado”, completou.

Witzel disse que Bolsonaro adotou a narrativa de empurrar o ônus das necessárias medidas de distanciamento social para os governadores. Ele argumentou que o presidente adotou a narrativa de forma estratégica, para se livrar de responsabilidade sobre as consequências econômicas da pandemia.

“O governo federal, para poder se livrar das consequências do que viria na pandemia, criou uma narrativa estrategicamente pensada”, argumentou Witzel.

“O que ficou claro é que a narrativa construída pelo governo federal foi para colocar os governadores em situação de fragilidade, porque os governadores tomaram as medidas necessárias de distanciamento social, porque isso tem consequências econômicas”, continuou.

Ele disse que Bolsonaro criou um “discurso de perseguição ao governadores” e de que os governadores “aproveitaram a pandemia para roubar”.

Witzel foi afastado do mandato e depois sofreu impeachment no ano passado. Ele é réu em processo que apura corrupção e lavagem de dinheiro. O caso tramita no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

O ex-governador era aliado de Bolsonaro na campanha eleitoral de 2018. Mas ao longo do mandato entrou em atrito político com o presidente, que se agravou na pandemia. Bolsonaro sempre atacou as medidas de isolamento social recomendadas pelas autoridades sanitárias e adotadas por governadores para conter o vírus.

Bolsonaro anuncia novo Bolsa Família de R$ 300

Share Button

Foto: Alan Santos/PR

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta terça-feira (15) que o novo Bolsa Família deve pagar, em média, R$ 300 para os beneficiários. Em entrevista para a TV SIC, afiliada da Record em Rondônia, o presidente surpreendeu integrantes do próprio governo com o anúncio. Até agora, os valores discutidos pelas equipes consideravam um reajuste de R$ 190 para R$ 250. De acordo com a BandNews FM, o presidente ainda anunciou que a reformulação do programa deve ser implementada em dezembro deste ano e se consolidar no ano que vem. O presidente confirmou que o novo pagamento pode estourar o teto de gastos em 2022. Bolsonaro ainda confirmou que o auxílio emergencial terá mais duas ou três parcelas a partir de julho. Até agora, o governo pagou R$ 17,9 bilhões em auxílio emergencial em 2021.

Luciano Huck diz que substituirá Faustão em 2022 e descarta candidatura

Share Button

Luciano Huck participa do ‘Conversa com Bial’ | Foto: Reprodução/TV Globo

Luciano Huck afirmou que vai assumir o comando de um programa aos domingos na Globo depois que Fausto Silva deixar a emissora em 2022. Segundo o G1, o apresentador contou a novidade em sua participação no “Conversa com Bial”, na madrugada desta quarta-feira (16). Huck ainda estuda a fórmula para o novo programa e o fato de trocar o sábado pelo domingo. O nome da nova atração também não está definido. “É página em branco. Vamos trabalhar. Mas vamos respeitar o hábito do telespectador”. Questionado logo na abertura do programa, Huck negou que será ou seria candidato a qualquer cargo na política. “Vou ser muito franco: nunca me lancei candidato a nada, por isso não estou retirando candidatura”, afirmou. “Não consigo enxergar esse cargo [de candidato] como oportunidade. Não seria responsável da minha parte”. E emendou: “minha melhor contribuição é como cidadão, e não como candidato”. O comunicador disse, porém, que não sairá mais do debate político: “vou estar no debate público pra sempre. Eu gosto desta arena, gosto do debate das ideias…”. “O futuro a Deus pertence. Não tenho desejo incontrolável pelo poder, mas tenho desejo incontrolável para ajudar. Gosto do debate”.

Aneel prevê conta de luz 5% mais cara em 2022; valor das bandeiras tarifárias deve subir mais 20% já nas próximas semanas

Share Button

Por G1

Foto: Reprodução

O diretor-geral da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), André Pepitone, afirmou nesta terça-feira (15) que a crise hídrica enfrentada pelo país neste ano já permite estimar uma alta de pelo menos 5% nas contas de luz em 2022. O aumento dos preços da energia tem relação com o maior acionamento das usinas termelétricas (mais caras) para suprir uma queda de geração das usinas hidrelétricas. O Brasil enfrenta a pior estiagem dos últimos 91 anos, segundo o governo. Esse impacto deve chegar às tarifas residenciais e comerciais no próximo ano. Os chamados “consumidores livres” – empresas que compram energia diretamente das distribuidoras – devem pagar o adicional ainda em 2021. Uma outra elevação nas faturas domésticas deve entrar em vigor já nas próximas semanas. O diretor-geral da Aneel informou que o reajuste das bandeiras tarifárias vigentes deve ultrapassar os 20%. Com o reajuste, que deve entrar em vigor nas próximas semanas, a bandeira vermelha patamar 2 custará mais de R$ 7 a cada 100 kWh de energia consumidos, segundo André Pepitone. A decisão será divulgada ainda neste mês. As bandeiras tarifárias representam uma sobretaxa adicionada às faturas quando o custo da geração de energia sobe.

Primeiro epicentro de Covid-19, Wuhan, na China, tem cerimônia de formatura com mais de 11 mil estudantes

Share Button

Por France Presse

Foto: Reuters

Mais de 11 mil estudantes participaram de uma grande cerimônia de formatura em Wuhan, na China, cerca de 14 meses após a suspensão das restrições na cidade que foi o epicentro da pandemia.

Os 11 milhões de habitantes de Wuhan, na província de Hubei, foram colocados sob quarentena a partir de 23 de janeiro de 2020, evidenciando a gravidade do vírus que depois se propagou pelo mundo.

A cidade ficou 76 dias sob confinamento estrito e só começou a retomar à normalidade, de maneira progressiva, a partir de abril de 2020. O mesmo ocorreu depois com outras regiões do país, onde o contágio foi controlado.

Wuhan tem uma população similar à da cidade de São Paulo, é conhecida na China por ter mais de 100 universidades e sua posição geográfica no país é estratégica.

Pouquíssimos utilizavam máscaras na cerimônia, que ocorreu na tarde de domingo (13).

Entre os estudantes estavam mais de 2,2 mil que deveriam ter recebido o diploma no ano passado, mas a cerimônia foi adiada devido à epidemia.

Segundo os números oficiais do governo chinês, o país registrou pouco mais de 90 mil casos de Covid-19 e 4.636 mortes desde o início de 2020 — a maioria em Wuhan.

Líder de seita com 39 esposas e 94 filhos morre aos 76 anos na Índia

Share Button

Por G1

Ziona Chana, chefe de uma seita cristã na Índia que permite a poligamia | Foto: Adnan Abidi/Reuters/Arquivo

O líder de uma seita poligâmica morreu neste domingo (13), na Índia, aos 76 anos. Ele deixou 39 esposas e 94 filhos, confirmaram nesta segunda (14) as autoridades locais. Ziona Chana era hipertenso e tinha diabetes. A causa da morte não foi divulgada.

Chana dizia ser o chefe da “maior família do mundo” e despertava curiosidade pela sua forma de vida. O governador de Mizoram – estado que faz fronteira com Bangladesh –, lamentou a morte do patriarca em uma rede social.

Com um total de 167 membros, a família é uma das maiores do mundo – perde talvez apenas para os Blackmore, mórmons do Canadá, com 178 membros entre esposas, filhos e netos.

Todos os membros da família Chana vivem juntos em uma ampla construção de quatro andares e mais de 100 quartos.

Família de Ziona Chana em foto tirada em 2011 | Foto: Adnan Abidi/Reuters/Arquivo

A seita Chana foi fundada pelo pai de Ziona em 1942 e tem centenas de famílias filiadas. Ziona se casou pela primeira vez com 17 anos e afirmava ter se casado com dez mulheres em um único ano.

Sua filosofia é baseada nos princípios cristãos, apesar do fato de que os líderes da Igreja Presbiteriana, a principal fé no estado, rejeitam a poligamia de Chana.

As mulheres de Chana compartilhavam um dormitório perto de seu quarto de dormir, e moradores disseram que ele gostava de ter sete ou oito ao seu lado o tempo todo.

Apesar do tamanho da família, o patriarca disse em entrevista à agência de notícia Reuters em 2011 que queria que ela crescesse ainda mais.



WebtivaHOSTING // webtiva.com . Webdesign da Bahia