O corpo de uma criança de nove anos, desaparecida desde a sexta-feira (15), foi encontrado em um matagal no município de Wenceslau Guimarães, no Sul da Bahia. De acordo com informações da Polícia Militar da região, a vítima, Marcos dos Santos de Jesus, morava em um bairro nas proximidades de uma roça de cacau, e foi atraído para o local por um usuário de drogas. O acusado levou a criança para um matagal, abusou sexualmente dele e o matou com golpes de machado na nuca. Ele escondeu o corpo da vítima com folhas de cacau e fugiu. Enquanto a PM realizava buscas pela criança neste domingo (17), o homem se voluntariou para ajudar e levou os policiais até o local exato onde o corpo de se encontrava.

Desconfiada, a PM começou a fazer perguntas para o acusado, que entrou em contradição e acusou um outro homem, que é conhecido na região por ser alcoólatra. No entanto, a polícia encontrou a arma utilizada no crime na casa do acusado, cuja identidade não foi divulgada, ainda com vestígios de sangue. O homem foi preso e levado para a delegacia de Polícia Civil de Valença, porque os moradores de Wenceslau Guimarães, revoltados com o crime, atearam fogo na casa do acusado. Ele continua preso no local à disposição da Justiça. O corpo da criança foi removido para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) da região ontem (17), e deve passar por uma perícia antes de ser liberado para o sepultamento. (Correio)