cunha_preso

Foto: Lula Marques / AGPT

Os advogados de Eduardo Cunha (PMDB) convidaram diversos políticos para serem testemunhas do ex-deputado cassado, entre eles o presidente da República, Michel Temer (PMDB), e o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva (PT). Cunha está detido em Curitiba e responde pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro. Conforme o G1, a convocação das testemunhas faz parte da defesa prévia do ex-deputado, protocolada na Justiça Federal na noite desta terça-feira (1º). Outros políticos e empresários também foram chamados pelos advogados de Cunha. São os casos do ex-senador Delcídio do Amaral, do ex-ministro do Turismo nos governos Dilma e Temer, Henrique Eduardo Alves, do ex-presidente da Câmara João Paulo Cunha e do pecuarista José Carlos Bumlai.