A delegada da Polícia Civil do Distrito Federal, Erika Borges Moura do Amaral, foi presa na madrugada da última sexta-feira (22), em Goiânia, por resistência e desacato contra policiais militares. A mulher foi detida após uma briga em um bar no Setor Marista. Segundo a Polícia Civil, Erika estava com uma amiga e quando foi pagar a conta se desentendeu com o gerente do estabelecimento. De acordo com informações do jornal O Popular, a delegada, que tinha ingerido bebida alcoólica, agrediu o gerente. Em um vídeo gravado pelos policiais, a delegada xinga os militares. Ainda de acordo com a publicação, Erika foi encaminhada para o Instituto Médico Legal para o exame de corpo de delito e lá, também agrediu uma perita. Já na Central de Flagrantes, ela apresentou a identificação policial. A delegada foi liberada após pagar fiança de R$ 7.750,00.