adolescentedesaparecida-avozdocampo1-300x227

Depois de sete mês a família de Viviane Santos de Oliveira, de 17 anos, moradora do bairro da Bombinha sepultou nesta terça-feira (11) os restos mortais da adolescente no cemitério paroquial de Araci. Os restos mortais de Viviane foram encontrados no dia 11 de julho de 2012, no lixão de Araci, que fica às margens da BR-116, na saída para Tucano. Em entrevista ao site A Voz do Campo, a mãe da adolescente confirmou que os restos mortais encontrados no lixão seriam realmente de sua filha. Ainda segundo ela, Viviane foi encontrada apenas com algumas partes do corpo que pôde identificar a filha. “No lixão foram encontrados uma parte da cabeça, a costela e a espina cervical. o DNA confirmou que os restos encontrados eram realmente da minha filha.”, disse a mãe. De acordo com o Portal Folha, a 15ª Coorpin ainda não recebeu os documentos oficiais da perícia dando desfecho ao caso. A polícia ainda não revelou o nome do principal suspeito pelo crime, mas adiantou que ele está foragido.