Share Button

Dupla usava documentos falsos para obter vantagens indevidas junto ao INSS e aos bancos | Foto: Divulgação/Polícia Federal

Duas pessoas foram presas na quarta-feira (9) ao tentar sacar cerca de R$ 30 mil referente a um benefício fraudulento do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) em uma agência bancária de Salvador. O flagrante aconteceu durante ação conjunta da Polícia Federal com a Secretaria Especial de Previdência e Trabalho do Ministério da Economia. Segundo a PF, as investigações apontam que a dupla utilizava documentação falsa para criar segurados fictícios, usando um grupo de idosos como ‘dublês’, para ganhar vantagens indevidas junto ao INSS e aos bancos. Os presos vão responder pelo crime de estelionato previdenciário, com pena que pode chegar a 5 anos de prisão.

Notícias de Santaluz