Pelo menos 24 pessoas tiveram o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) anulado por postar fotos no local de prova, entre elas um adulto de 39 anos. “É difícil compreender tal atitude. De qualquer forma, continuará sendo assim”, afirmou o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, neste sábado (26). Ele disse ainda que o primeiro dia de provas do Enem foi um êxito. “Isso não quer dizer que não tenhamos que trabalhar com humildade, porque o trabalho ainda não acabou. Amanhã ele se reinicia”. Segundo o jornal o Estado de S.Paulo, Mercadante informou que 22 mil participantes entraram na internet entre 12 horas e 12h59 para verificar o endereço da prova. “É difícil chegar na hora com esse tipo de improvisação”, afirmou o ministro.