127

Candidato a vice-presidente na chapa do PSB tem ligação com o agronegócio

Em nota divulgada na noite de terça-feira (19), o PSB confirmou a indicação do líder da bancada na Câmara dos Deputados, Beto Albuquerque (RS), para compor a chapa presidencial que será liderada pela ex-senadora Marina Silva.

No documento, assinado pelo presidente da sigla, Roberto Amaral, o partido informa que a chapa será sacramentada em reunião da Executiva Nacional na quarta (19), às 15h, em sua sede, em Brasília.  Amaral disse que a viúva de Eduardo Campos, Renata Campos, foi consultada sobre a possibilidade de ser a vice de Marina Silva, mas ela declinou do convite porque além de ter “compromissos familiares”, ela precisa dedicar seus primeiros esforços para eleger Paulo Câmara ao governo de Pernambuco.

Segundo a nota, a vitória de Câmara era um sonho que Eduardo “sempre sonhou”. O presidente da sigla esteve reunido durante todo o dia em Recife com dirigentes do PSB pernambucano e hoje ouviu a cúpula do partido sobre a composição da candidatura.