Share Button
odebrechtemilio

Foto: Reprodução / Isto É

Herdeiro de uma das maiores empreiteiras do país, o empresário Emílio Odebrecht assinou nesta quinta-feira (1º) o acordo de delação premiada com o Ministério Público Federal (MPF). Emílio foi um dos primeiros a fechar a delação entre os 77 executivos envolvidos na Operação Lava Jato. De acordo com o G1, com o alto número de colaboradores, é previsto que o processo de assinatura só seja encerrado nesta sexta (2). O ex-presidente da empresa e filho de Emílio, Marcelo Odebrecht, deve assinar o documento em Curitiba, onde está preso há mais de um ano. Nesta quinta, também foi assinado o acordo de leniência da empresa, no valor de R$ 6,7 bilhões. Nos depoimentos, os executivos da empreiteira citaram ao menos 200 nomes de políticos que integram diversos partidos. Emílio é filho do fundador da empresa, Norberto Odebrecht, que morreu em 2014.