not_24102015_coletivaenem

Entre o presidente do Inep, Chico Soares, e o secretário-executivo do MEC, Luiz Cláudio Costa, o ministro Mercadante faz o primeiro balanço do Enem | Foto: Mariana Leal/MEC

Neste sábado (24), primeiro dia de provas do Enem 2015, 364 participantes foram eliminados. Destes, 330 portavam equipamentos inadequados na sala de aula e 34 foram identificados com objetos proibidos pelos detectores de metal, inclusive foram registrados casos de estudantes com pontos eletrônicos. Durante entrevista coletiva para apresentar o balanço deste sábado, o ministro da Educação, Aloizio Mercadante, informou que estes casos já foram encaminhados para a polícia federal. Diferente dos anos anteriores, nesta edição, apenas uma pessoa foi eliminada por postar registros fotográficos de dentro da sala nas redes sociais. Entre os incidentes registrados, 19 locais de prova tiveram quedas temporárias de energia, mas sem prejuízo para a realização das provas. Também foram registradas cinco emergências médicas. O percentual de abstenção ficou em 25,31%, um número menor que na edição de 2014. Até as 18h30 deste sábado, 6.911.938 participantes acessaram os cartões de confirmação de inscrição. “A cada ano vem diminuindo o número de abstenções, o que é muito importante”, afirmou Mercadante. As provas do Enem continuam neste domingo (25), quando os participantes farão as provas de linguagens, códigos e suas tecnologias, redação e matemática e suas tecnologias, com duração de 5 horas e 30 minutos.

Redação Notícias de Santaluz