Entidades que representam os aposentados querem que mais remédios, entre eles o Viagra, indicado para impotência, sejam incluídos na lista de medicamentos do programa Farmácia Popular, do governo federal. Hoje, 112 itens são oferecidos à população com descontos de até 90%, sendo que remédios para asma, diabetes e hipertensão são gratuitos. Segundo informações da Folha, o assessor de saúde do Sindicato Nacional dos Aposentados, Diógenes Sandim disse que a lista considerou os medicamentos mais prescritos para os idosos, como insuficiência cardíaca e hipertensão. Além disso, eles querem aumentar o número de princípios ativos para tratar a mesma doença, para aumentar o leque de opções do médico. No dia 3 de julho haverá uma reunião entre sindicatos e governo sobre a inclusão dos novos medicamentos na lista.