Comissão julgadora formada por intelectuais e artistas

Projetos de estudantes de Conceição do Coité e Quijingue foram classificados e representarão o Território do Sisal no II Encontro Estudantil de Ciências, Arte, Esporte e Cultura, que acontece de 27 a 29 de novembro, em Salvador. Os estudantes disputarão as finais dos projetos artísticos e culturais.

O vídeo “Não quero ser realidade”, produzido por Ícaro Matheus Reis de Carvalho, de 16 anos, aluno do 2º ano do Ensino Médio, do Colégio Estadual Durval da Silva Pinto, em Conceição do Coité disputa a final do projeto Produção de Vídeos Estudantis (Prove).

As obras “Mistério no quarteirão”, produzida por Izabella Baldoino Almeida, de 17 anos, aluna do 3º ano do Ensino Médio, do Colégio Polivalente de Conceição do Coité e “História de Canudos”, produzida por Michael de Oliveira, de 24 anos, aluno do 3º ano do Ensino Médio, do Colégio Estadual Luis Eduardo Magalhães, em Quijingue, disputam a final do projeto Tempos de Arte Literária (TAL).

O Prove e o Tal são projetos estruturantes da Secretaria da Educação do Estado da Bahia, que envolvem criações artísticas que enfocam os traços culturais e regionais brasileiros, com características do ambiente escolar.

A escolha aconteceu no Conselho de Cultura, em Salvador, por comissão julgadora formada por intelectuais e artistas. A seletiva contou com obras de estudantes de todas as regiões do Estado.

Projetos de estudantes de Uauá, Riachão do Jacuípe e Feira de Santana também estão entre os finalistas.

:: Confira a lista com todos os autores selecionados ::

Redação Notícias de Santaluz