xIMAGEM_NOTICIA_5.jpg.pagespeed.ic.uq0wSv4BR1

Foto: Divulgação/Agência Senado

A CPI mista do Congresso que apura denúncias na Petrobras fará na próxima terça-feira (2) uma espécie de acareação entre os ex-diretores da Petrobras Paulo Roberto Costa e Nestor Cerveró. A oposição quer fazer um “tira-teima” entre os dois executivos, que até agora têm versões divergentes sobre o suposto esquema de corrupção na estatal. A sessão promete ser uma das mais agitadas desde a instalação da CPI, em maio, praticamente esvaziada durante o período das eleições. Um esquema especial de segurança está sendo montado no Senado, porque Paulo Roberto Costa, preso em regime domiciliar, será conduzido sob escolta da Polícia Federal. Como se trata de convocação, os dois são obrigados a comparecer à comissão. No entanto, ainda podem usar o direito de permanecer calados. A presença dos dois ex-diretores está confirmada, de acordo com a secretaria da comissão.