Share Button
7r9v0qcmqu4usufsrlqmfpwyo

Ex-governador do Rio, Sérgio Cabral é preso pela Polícia Federal em nova fase da Lava Jato | Foto: Severino Silva / Agência O Dia

O ex-governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB), foi preso preventivamente na manhã desta quinta-feira pela Polícia Federal. Segundo informações do jornal O Dia, o peemedebista estava em sua casa, no Leblon, na Zona Sul do Rio, e foi levado pelos agentes sob gritos de “ladrão” da população. Ele deixou o prédio onde mora por volta das 7h e seguiu para a sede da Polícia Federal. A ação faz parte de mais uma etapa da Lava Jato em conjunto com o Ministério Público Federal (MPF) e a Receita Federal, que deflagraram a operação Calicute,  que visa investigar o desvio de recursos públicos federais em obras realizadas pelo governo do Rio. O prejuízo estimado é superior a R$ 220 milhões. A esposa de Cabral, Adriana Ancelmo, também é alvo de condução coercitiva por essa operação. A advogada recebeu do marido um anel no valor de R$ 800 mil, que de acordo com a delação de Cavendish é o maior símbolo da relação dele com empreiteiros.