casal

A falsa médica Daniele Cotrim Guimarães, 33 anos, e seu marido Paulinele Teixeira Conceição, 38 anos, foram presos nesta segunda-feira (27) e são apresentados pela Polícia Civil nesta terça (28), na 6ª Delegacia Territorial, na Ladeira dos Galés, em Brotas. Daniele foi descoberta depois que um farmacêutico, desconfiado dos erros de prescrição existentes nas receitas preenchidas por ela, entrou em contato com a verdadeira médica, que registrou queixa na 6ª DT/Brotas, em dezembro. Investigada por exercício ilegal da medicina, Daniele foi intimada a comparecer à unidade policial e, após apresentar uma carteira do Conselho Regional de Medicina do Estado da Bahia (Cremeb) pertencente a médica de verdade, foi presa. Interrogada na unidade policial, a mulher disse que foi Paulinele quem obteve a carteirinha do Cremeb falsa. O homem negou a acusação. Daniele foi atuada por exercício ilegal de profissão, enquanto o companheiro vai responder por uso de documento público falso. Com a mulher foram apreendidas receitas da Secretaria Municipal de Saúde de Candeias, além de solicitações de exames e um uniforme do SAMU, que estavam na bolsa dela. 

Redação Notícias de Santaluz