Unidade está totalmente degradada, apresentando paredes rachadas, telhado comprometido, infiltrações e alagamentos, entre outros defeitos

O Hospital Regional Clériston Andrade (HRCA), em Feira de Santana, está em situação precária e sem condições de funcionamento, afirmou o relatório de auditoria e inspeção realizados pelo Tribunal de Contas do Estado da Bahia (TCE) . De acordo com o documento, “a unidade está totalmente degradada, apresentando paredes rachadas, telhado comprometido, infiltrações e alagamentos, instalações elétricas e hidráulicas danificadas”. A visita dos auditores aconteceu entre 3 de setembro e 6 de novembro de 2012. O TCE aponta que a unidade hospitalar funciona há oito anos sem alvará sanitário em virtude dos problemas de infraestrutura e higiene. O relator do processo de auditoria e inspeção, o conselheiro Pedro Lino, sugeriu que fosse dado prazo de 90 dias para que a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia Sesab apresentasse um plano de reestruturação do hospital. Por ter sido realizado há mais de um ano, uma equipe de auditores retornou ao hospital no início deste mês. “A situação é a mesma. Nada de novo foi feito para modificá-la, somente a mudança da sala da diretoria geral para próximo do centro cirúrgico”, disse Fred Santana Sampaio, analista de controle externo do TCE. Com informações do A Tarde.