No GP da Itália do último domingo, Felipe Massa completou 132 GPs pela Ferrari e alcançou o terceiro lugar na lista dos pilotos com mais corridas por uma mesma equipe, igualando a marca de Jacques Laffite (Ligier, de 1976 a 86), atrás apenas de Michael Schumacher (180 pela Ferrari entre 1996 e 2006) e David Coulthard (150 pela McLaren entre 1996 e 2004). 

Dois dias depois, a notícia: sua história com a escuderia de Maranello tem data para terminar, dia 24 de novembro, diante de sua torcida, no GP do Brasil, que encerra a temporada 2013. Através de suas redes sociais, o brasileiro anunciou nesta terça-feira que não seguirá na equipe em 2014. A Ferrari ainda não anunciou oficialmente, mas ao que tudo indica, ela escolherá Kimi Raikkonen, atualmente na Lotus, para fazer dupla com o espanhol Fernando Alonso. 

– Não vou mais correr pela Ferrari a partir de 2014! Gostaria de agradecer pela amizade, vitórias e um lindo momento com a Ferrari. A ajuda da minha esposa, da minha família e de todos os meus fãs. Toda a ajuda dos meus patrocinadores! Vou com tudo para as últimas sete corridas como piloto da Ferrari. A partir de agora quero achar uma equipe que me dê um carro competitivo para conseguir mais vitórias e vencer um campeonato que é o meu sonho!! Um beijo a todos! – divulgou o piloto em suas redes sociais. (G1)