Presidente da Fifa disse que o Brasil teve sete anos para organizar Mundial e mesmo assim atrasou

Insatisfeita com a preparação brasileira para a Copa 2014, a Fifa voltou a criticar o país. Presidente da entidade, Joseph Blatter reafirmou que confia na no êxito do Mundial, mas bateu mais uma vez no atraso na construção das arenas e infraestrutura das cidades. Para ele, neste quesito, o Brasil está mais atrasado que a África do Sul, país sede da Copa 2010. “O Brasil setá mais atrasado que a preparação dos africanos em relação ao mesmo período. Mas não é duvida que um grande país de 200 milhões de habitantes organizará o grande Mundial de futebol”, disse Blatter, segundo o Portal Uol. Blatter recebeu a presidente Dilma Rousseff na última semana e ouviu dela as garantias de que a competição irá correr dentro da normalidade. Porém, Blatter observou uma peculiaridade negativa do Brasil. “É a primeira vez que um país teve sete anos para organizar um Mundial, e tem atraso. Troquei mensagens com a Rousseff e ele me disse: ‘A bola está em nosso campo e vou provar que estaremos prontos”, encerrou. (iBahia)